Notícias

17 de novembro marca o Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata

Compartilhe:     |  17 de novembro de 2014

Esta segunda-feira, 17 de novembro, marca o Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata. A próstata é uma glândula que só o homem possui e que se localiza na parte baixa do abdômen. Ela é um órgão muito pequeno, tem a forma de maçã e se situa logo abaixo da bexiga e à frente do reto.

A próstata envolve a porção inicial da uretra, tubo pelo qual a urina armazenada na bexiga é eliminada, e produz parte do sêmen, líquido espesso que contém os espermatozoides, liberado durante o ato sexual.

No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens (atrás apenas do câncer de pele não-melanoma). Em valores absolutos, é o sexto tipo mais comum no mundo e o mais prevalente em homens, representando cerca de 10% do total de cânceres. Sua taxa de incidência é cerca de seis vezes maior nos países desenvolvidos em comparação aos países em desenvolvimento, segundo dados do Inca (Instituto Nacional de Câncer).

Já que cerca de três quartos dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos.

Mais do que qualquer outro tipo, é considerado um câncer da terceira idade, já que cerca de três quartos dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos. O aumento observado nas taxas de incidência no Brasil pode ser parcialmente justificado pela evolução dos métodos diagnósticos (exames), pela melhoria na qualidade dos sistemas de informação do país e pelo aumento na expectativa de vida.

Crescimento

Alguns desses tumores podem crescer de forma rápida, espalhando-se para outros órgãos e podendo levar à morte. A grande maioria, porém cresce de forma tão lenta (leva cerca de 15 anos para atingir 1 cm³ ) que não chega a dar sinais durante a vida e nem a ameaçar a saúde do homem.

A estimativa de novos casos para 2014, segundo o Inca, é de 68.800 registros.

“A alta incidência deve-se, principalmente, ao preconceito em relação ao exame de toque e a consequente descoberta tardia da doença”, explica o urologista do Hospital Santo Amaro Marcelo Brandão. Ainda segundo o especialista, 90% dos casos do câncer de próstata no Brasil são identificados quando a doença está instalada. “Quando mais cedo a doença é detectada, maior é a chance de cura”, enfatiza.

metro1-ecod.jpg

Pense Azul

Na Bahia, no mês alusivo aos cuidados da saúde do homem, a Fundação José Silveira (FJS), em parceria com o EcoD e o Núcleo de Oncologia da Bahia (NOB) promove mais uma edição do Novembro Azul, com foco voltado para a prevenção, conscientização e detecção precoce do câncer de próstata.

“Depois do Outubro Rosa, quando mobilizamos esforços na luta contra o câncer de mama, o alvo agora é o combate ao tumor da próstata”, ressalta a superintendente da FJS, Leila Brito. A campanha visa, ainda, a oferta gratuita de serviços para o diagnóstico da doença. A FJS vai disponibilizar uma equipe de médicos e profissionais de saúde que realizará 600 consultas de urologia, com avaliação clínica e exame de toque, e 200 exames de PSA, indicado nos casos de suspeita da doença.

O NOB, por sua vez, firmou uma parceria com a empresa responsável pelo Metrô de Salvador para instalar cartazes e painéis nas estações do modal, a fim de conscientizar à população soteropolitana.



Fonte: EcoD



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Estresse passa do dono para o cachorro

Leia Mais