Notícias

4G é usada por mais da metade dos usuários de celular, diz Anatel

Compartilhe:     |  7 de agosto de 2018

De acordo com dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), divulgados na última sexta-feira (3), a internet 4G representa 50,29% do total de contratos de internet móvel do país, o correspondente a 118.226.718 clientes.

O Brasil registrou um total de 235 milhões de linhas de celular no mês de junho de 2018. No comparativo com os últimos 12 meses, houve uma queda de 7 milhões de linhas. Ainda assim, existem mais celulares no país do que brasileiros, visto que a população é de 208 milhões, segundo o IBGE.

A internet 4G entrou em funcionamento em 2013 e é a forma mais rápida que os consumidores têm para conectar celulares e tablets. A próxima fase será a internet 5G que chegará ao mercado nacional somente em 2020, segundo estimativa da agência. Nos EUA, os primeiros testes com essa tecnologia começaram neste ano.

Pré x pós

No Brasil existem mais usuários com linhas pré-pagas do que com linhas pós-pagas. Porém, está ocorrendo uma migração de um tipo de serviço para o outro. Em junho de 2018, foram registradas 141, 9 milhões de linhas pré-pagas, diminuição de 18 milhões linhas em 12 meses. Já as linhas pós-pagas chegaram a 93 milhões em junho, registrando um aumento de 11,2 milhões de linhas em 12 meses.

Estados

São Paulo continua sendo o estado com o maior número de linhas móveis do país, com mais de 62 milhões de usuários; seguido por Minas Gerais com mais 22 milhões e Rio de Janeiro com mais 20 milhões.

Nos últimos 12 meses, o maior crescimento foi registrado no Amazonas com saldo de 147,4 mil novas linhas. Outros estados que apresentaram aumento foram: Espírito Santo (+46 mil linhas), Roraima (+26,6 mil linhas) e Amapá (+15 mil linhas). Todos os outros estados tiveram redução no número de linhas móveis.



Fonte: R7



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Lei que proíbe piercings e tatuagens em animais é sancionada no Distrito Federal

Leia Mais