Notícias

Agricultores familiares aproveitam período de inverno e iniciam plantio de algodão orgânico

Compartilhe:     |  26 de janeiro de 2019

Com o período de chuva regular no Sertão, o Governo do Estado, por meio da Empresa Paraibana de Pesquisa, Extensão Rural e Regularização Fundiária (Empaer), vinculada à Secretaria do Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca, começou a distribuição de sementes, prosseguindo na orientação dos agricultores familiares no plantio de algodão orgânico branco, procedendo a assinatura de contrato de compra e venda da produção.

“O projeto é fruto de uma parceria entre a Empaer com a Embrapa Algodão, a Norfil S/A Indústria Têxtil, Veja Fair Trade e da Cooperativa de Produção Têxtil Afins do Algodão [Coopnatural], e vem obtendo excelentes resultados”, lembrou o presidente da Empaer Nivaldo Magalhães.

Nesta primeira etapa, que compreende as regiões de Sousa, Patos, Catolé do Rocha, Princesa Isabel e do Vale do Pianco, estão sendo atendidos 178 produtores cadastrados uma área de 218,7 hectares. No mês de abril, a previsão é que ocorra a distribuição de sementes. O procedimento deve se estender pela região de Areia, Guarabira, Campina Grande, Solânea, Picuí e Itabaiana, onde as chuvas são propícias e está sendo feito o cadastro dos produtores.

Na safra 2015/2016, por exemplo, foi cultivada uma área de 54 hectares com a participação de 60 agricultores, sendo colhidas 11 toneladas de algodão orgânico branco. Na safra 2016/2017, registrou-se um crescimento de 90% da área plantada, com 38 toneladas colhidas e comercializadas. Para a safra 2017/2018, a estimativa foi de 100 toneladas e uma área plantada de 180 hectares com mais de 200 famílias agricultoras inseridas no Programa Algodão Paraíba, um crescimento significativo a cada ano.



Fonte: Secom-PB



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

A surpreendente velha amizade entre um cão e um golfinho

Leia Mais