Notícias

Alunos do Ensino Médio desenvolvem método para captar água da chuva

Compartilhe:     |  1 de novembro de 2014

Um novo método de captação de água da chuva foi desenvolvido no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, o IFRN, em uma colaboração entre um professor de Química e alunos do Ensino Médio. O projeto, nomeado Scorpion – Sistema de Tratamento de Águas para Reuso -, utiliza canos de PVC e surpreende pelo baixo custo de produção.

O projeto foi desenvolvido pelo professor e químico Roberto Lima e os alunos Álex Câmara, Rayane Lunara e Vitor Rodrigues. O valor de sua construção é de apenas R$ 25, o que aumenta a atratividade e o fator sustentável de todo o empreendimento. O sistema capta água pluvial com as impurezas iniciais e filtra, fazendo correções nos parâmetros de qualidade do líquido, que torna-se potável ao final do processo.

Todo o dispositivo projetado contém uma argila modificada em seu interior, que age diretamente no tratamento da água. O processo envolve diversas filtragens e as águas das primeiras chuvas são descartadas. A água vem da calha e entra pelo dispositivo central do Scorpion, onde fica armazenada em um pequeno reservatório. Passa, então, para diversos ramais por onde a água é filtrada até ser captada no coletor.

O produto final ainda não é 100% perfeito para o consumo humano. Para isso, deve passar por um processo mais intenso de desinfecção para evitar que organismos menores contidos nela sejam consumidos pelos seres humanos. No entanto, os níveis testados em laboratório como pH e dureza tiveram resultados semelhantes aos obtidos com água potável comum e de qualidade mais elevada do que a retirada de alguns mananciais.

Economia de água

Todo o projeto representa uma grande economia de água, podendo ser aplicado em pequenas comunidades e sítios. O momento não poderia ser mais oportuno, já que diversos locais enfrentam crises de abastecimento e carência de água em suas rotinas. Qualquer iniciativa que diminua os gastos e preserve esses recursos é extremamente bem-vinda. A crise da água é uma realidade já corrente e que precisa de todos os esforços para ser combatida, desde as mais simples.

Até mesmo nos próprios dispositivos de reutilização de águas pluviais já em operação é preciso ter atenção e cuidado, assim como na manutenção dos reservatórios tradicionais de água que existem nas residências e empresas. É essencial manter as bombas de água sempre novas e em perfeito funcionamento, por exemplo, para evitar o desperdício no caso de algum material gasto, danificado ou antigo.

Além dos cuidados estruturais, o comportamento das pessoas também é importante para reduzir o consumo de água. Diminuir o tempo do chuveiro, fechar a torneira sempre que possível, consertar problemas de gotejamento e reaproveitar a água da casa para limpeza, por exemplo, são iniciativas que auxiliam tanto na diminuição de gastos quanto na economia de recursos. Afinal, essas pequenas atitudes acabam por refletir e impactar de forma significativa em todo o panorama de escassez atual.



Fonte: Diário do Verde



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Projeto de lei ‘Animal não é coisa’ é aprovado pelo Senado

Leia Mais