Notícias

Associação de pescadores solta mais de 17 mil alevinos no Rio Aguapeí

Compartilhe:     |  25 de fevereiro de 2020

Uma ação de repovoamento de espécies de peixes acarretou na soltura de mais de 17 mil alevinos no Rio Aguapeí, também conhecido como Rio Feio, em Rinópolis (SP), na tarde deste domingo (23).

“Este é o um processo do repovoamento do Rio Feio, queremos fazer um repovoamento. Este é um rio que já foi muito bom de peixe, mas hoje não é mais. Muitos peixes morreram”, conta o pescador Igor Augusto Gibara de Oliveira.

Os alevinos soltos na natureza são de três espécies: piapara, piaçu e também pintado, que fazem parte da bacia do Rio Aguapeí.

“Estes peixes vão ajudar bastante na natureza. Os peixes que soltamos, daqui a cerca de dois anos, já vão estar desovando. Ou seja, são mais de 17 mil peixes desovando e procriando”, acrescenta Oliveira.

A Associação dos Pescadores Unidos de Rinópolis (Apur) realizou a ação pela primeira vez. Porém, a associação já está se preparando para a próxima soltura e pretende fazer três ações do gênero por ano.

“Este tipo de ação, quando feito dentro das normas, pode ser considerado até mesmo um PSA [Programa de Serviço Ambiental]. Isso faz com que ocorra um equilíbrio ambiental, já que as espécies podem estar em falta. É uma correção para o meio ambiente”, pontua o biólogo André Gonçalves Vieira.

O Rio Aguapeí banha o Estado de São Paulo e nasce na cidade de Gália (SP), próximo à Rodovia Comendador João Ribeiros de Barros (SP-294), na região de Marília (SP). Ao todo, ele percorre mais de 400 quilômetros até desaguar no Rio Paraná, na divisa entre Castilho (SP) e Paulicéia (SP), respectivamente, nas regiões de Araçatuba (SP) e Presidente Prudente (SP).

Repovoamento de peixes foi feito no Rio Aguapeí, em Rinópolis — Foto: Igor Augusto Gibara de Oliveira

Repovoamento de peixes foi feito no Rio Aguapeí, em Rinópolis — Foto: Igor Augusto Gibara de Oliveira

Repovoamento de peixes foi feito no Rio Aguapeí, em Rinópolis — Foto: Igor Augusto Gibara de Oliveira

Repovoamento de peixes foi feito no Rio Aguapeí, em Rinópolis — Foto: Igor Augusto Gibara de Oliveira

Repovoamento de peixes foi feito no Rio Aguapeí, em Rinópolis — Foto: Igor Augusto Gibara de Oliveira

Repovoamento de peixes foi feito no Rio Aguapeí, em Rinópolis — Foto: Igor Augusto Gibara de Oliveira



Fonte: G1 - Gabriel Lanza



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Emocionante: vídeo mostra tartarugas-marinhas sendo salvas por pescadores no litoral catarinense

Leia Mais