Notícias

Ativistas pedem a príncipe Charles para adotar o veganismo

Compartilhe:     |  15 de maio de 2018

Um grupo de ativistas pressionou Charles, o príncipe de Gales, para a adoção do veganismo em sua recente viagem à Grécia com sua parceira Camilla.

Após a crescente aderência do Reino Unido ao veganismo, não é surpresa que as exigências à autoridades para uma vida mais saudável, consciente e livre de crueldade tenham se tornado comuns.

Enquanto a principal causa da viagem real parecia ser a visita à Commonwealth War Graves, em Atenas, a dupla teve um inesperado encontro com um grupo de ativistas. Enquanto o casal acenava de um balcão na vista real, uma bandeira foi estendida, dizendo, em tradução literal: ‘”Charles, torne-se vegano! Aja com compaixão”.

O pedido também incluiu um canto, no qual os ativistas disseram: “Por favor, Charles, por favor, seja vegano”.

Durante a viagem do príncipe Charles teria recusado um canudinho como parte de seu esforço para reduzir o uso de plástico enquanto tomou café com moradores locais. Charles não é a única realeza que mostra sinais de consciência ambiental – Meghan Markle e o príncipe Harry têm demonstrado aderência ao movimento vegano.

Em adaptação ao estilo de vida consciente da amada, Harry já adere uma dieta livre de carnes. Meghan já é símbolo de ativismo, pois já se manifestou a favor da adoção de animais, já ‘se recusou’ a utilizar peles de animais em roupas e, além disso, já admitiu fazer uma dieta vegana durante os dias da semana. A consciência está chegando para a realeza também.



Fonte: Anda



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Lei que proíbe piercings e tatuagens em animais é sancionada no Distrito Federal

Leia Mais