Notícias

Ativistas realizarão ato global contra a exportação de animais vivos

Compartilhe:     |  12 de junho de 2018

A próxima quinta-feira (14) será dia de luta. Organizações e ativistas em defesa dos direitos animais de diversas cidades brasileiras irão às ruas protestar contra a exportação do gado vivo no país.

Cidades como São Paulo-SP, Santos-SP, Curitiba-PR, Rio de Janeiro-RJ, Belo Horizonte-MG, São Luís-MA, e Brasília já tem participação garantida. Abaixo está a agenda com mais ações programadas:

Apesar das informações, não é possível afirmar quantas cidades ou projetos de fato estão envolvidos na organização já que o ato está sendo organizado por diversos ativistas, sem levantar bandeira de nenhuma ONG ou grupo.

O intuito da manifestação é pedir a proibição total da prátia de exportação de animais vivos – o Brasil vem ganhando importância na atividade nos últimos anos.

A ideia de instituir o dia 14 de junho como o Dia Mundial contra a Exportação do Gado Vivo surgiu depois do anúncio de que o Porto de Santos voltaria a comercializar animais depois de 20 anos parado.

Os organizadores do evento diz que não é necessário levar materiais para o evento, já que eles terão  faixas, cartazes, máscaras e velas. É indicado que usem camisetas básicas pretas como uma espécie de uniformização.

A organização pede também para que todos se atenham especialmente à questão da exportação de animais vivos no dia. “Por mais que nós, ativistas, tenhamos inúmeras outras pautas a tratar (inclusive a respeito de animais), recomendamos que todos que compareçam se limitem a este pedido nesse momento”, diz o evento.



Fonte: Anda



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Lei que proíbe piercings e tatuagens em animais é sancionada no Distrito Federal

Leia Mais