Notícias

Barcos turísticos de Amsterdã devem ser 100% elétricos até 2025

Compartilhe:     |  24 de outubro de 2018

Amsterdã é uma cidade muito conhecida pela cultura da bicicleta. Outro aspecto que é parte da imagem da cidade é a frota de barcos turísticos que navegam pelos canais que cortam a capital holandesa. Até recentemente, essa frota era altamente poluente por ser movida à diesel, então o município determinou que todos os barcos teriam que mudar a fonte de energia de diesel para eletricidade até 2025.

O processo de troca da fonte de energia nestes veículos é caro e demorado. Para trocar o motor e instalar as 66 baterias necessárias para um barco turístico típico de 23 metros, são necessários três meses e pode custar de $ 189.000 a $ 287.000 dólares americanos.

Apesar de custoso, os benefícios de um veículo movido à eletricidade são diversos. Os motores são mais silenciosos, mais limpos e mais baratos de operar (de acordo com um cálculo feito pela BBC, as companhias de barcos devem recuperar o valor investido na transição em até 12 anos). Além disso, os motores que demoram cerca de 10 horas para carregar podem durar cerca de dois dias funcionando entre as cargas.

A eletrificação dos barcos dos canais de Amsterdã faz parte do plano da cidade de reduzir o consumo de energia em 20% e aumentar o uso de energia limpa na mesma proporção.

O desafio agora para as empresas de barcos elétricos é a instalação de estações de carregamento que supram as necessidades da frota e que fiquem distribuídas nas docas de modo a beneficiar todos os veículos.

Apesar de parecer complicado e conflituoso, Amsterdã tem reconhecimento por ser pioneira no transporte de baixo carbono, como em 2009 quando a empresa de barco Lovers lançou o Nemo H2, primeiro barco turístico movido a células de hidrogênio. Então, embora a adaptação dos barcos seja cara e demorada, a cidade espera que o ar e os canais de navegação mais limpos atraiam mais turistas, sejam melhores para a vida selvagem e contribuam para as metas de redução de emissão de carbono.



Fonte: CicloVivo - Emily Santos



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Colecionadores de fãs, os siameses são inteligentes, comunicativos e brincalhões. Conheça curiosidades da raça

Leia Mais