Notícias

Boa higiene bucal é importante para saúde da boca e dos dentes

Compartilhe:     |  27 de abril de 2021

Os cuidados com a higiene bucal são tão importantes quanto os outros cuidados de higiene pessoal, como lavar as mãos. A boca é uma das principais portas de entrada de vírus e bactérias e uma boa higiene bucal pode evitar diversos problemas.

Uma boa higiene bucal é importante para prevenir doenças virais, como no caso da pandemia de Covid, e outras condições. Em procedimentos odontológicos, a higiene bucal pode ser até mais importante que o uso de antibióticos. A declaração científica da American Heart Association (AHA) publicada no jornal Circulation aponta que a manutenção da saúde bucal por pacientes cardíacos é mais importante que antibióticos nos procedimentos, pois serve para prevenir infecção cardíaca causada por bactérias ao redor dos dentes.

higiene das mãos também deve ser levada em consideração quando falamos em saúde bucal. É o que explica o professor Vinícius Pedrazzi, da Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (Forp) da USP.

A recomendação do especialista é ter o cuidado de higienizar as mãos, usando os protocolos corretos, antes de higienizar a boca. “Como as mãos vão ser imprescindíveis para o uso do fio dental, do higienizador de língua e da escova de dentes, é importante que estejam bem higienizadas, para que a gente possa levá-las até a cavidade bucal”, explica Pedrazzi em entrevista ao Jornal da USP.

O professor usa o exemplo da pandemia de Covid-19 para reforçar a importância da higiene bucal. Segundo ele, o estado de saúde do paciente que tenha contraído a doença pode ser agravado caso sua higiene bucal não seja feita da maneira correta. Ele diz também que uma boa higienização da boca pode evitar, principalmente, problemas pulmonares que agravam condições respiratórias.

“É muito importante que nós façamos a higienização correta da língua e de todos os dentes, mas com cuidado muito especial para os molares, aqueles mais próximos da faringe, para evitar a pneumonia por aspiração”, explica. Uma higiene bucal correta é imprescindível para evitar que a boca sirva como porta de entrada para os pulmões – isso evita que quadros de infecção pulmonar se agravem.

Outro alerta de Pedrazzi é para a troca da escova de dentes que deve ser feita sempre que uma pessoa estiver se recuperando de alguma infecção, para evitar risco de recontaminação, além da importância do uso de fio dental e enxaguante bucal.

O professor diz que essas medidas de higiene bucal servem para toda a vida, não apenas em caso de doenças ou em períodos de pandemia, já que a boca pode servir como porta de entrada para algum germe a qualquer momento.

Outra dica importante é a forma correta de cuidar de nossas escovas dentais e nossos higienizadores de língua, mantendo-os imersos em solução desinfetante, à base de água e enxaguante bucal, para evitar a reinfecção após cada uso. 



Fonte: Equipe Ecycle - Jornal da USP e Circulation



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Dente-de-leão: uma planta benéfica também para saúde dos cães

Leia Mais