Notícias

Califórnia e México firmam acordo para reduzir emissões de GEEs

Compartilhe:     |  30 de julho de 2014

O governador do estado norte-americano da Califórnia, Jerry Brown, e o presidente mexicano, Enrique Peña Nieto, se reuniram na segunda-feira (28) para assinar um pacto para trabalharem juntos em políticas no combate à poluição atmosférica e às emissões de gases do efeito estufa (GEEs).

O acordo prevê um fortalecimento na cooperação entre os dois países através de uma série de atividades, que incluem: alinhar seus programas e estratégias de redução de GEEs; colaborar na resposta emergencial a incêndios na fronteira e outras estratégias de adaptação às mudanças climáticas; melhorar a qualidade do ar, incluindo a redução da poluição e a expansão dos mercados para tecnologias de energia limpa; fortalecer o padrão de eficiência de combustíveis e automóveis; e dar apoio a iniciativas de transporte verde.

“A Califórnia não pode fazer isso sozinha e, com essa nova parceria com o México, podemos alcançar um progresso real na redução dos perigosos gases do efeito estufa”, observou Jerry Brown.

O estado norte-americano já possui diversas medidas voltadas ao combate às mudanças climáticas, a exemplo de seu esquema de comércio de emissões, que também tem uma aproximação com o mercado de carbono da província canadense de Quebec, sendo que os dois pretendem realizar um leilão conjunto ainda em 2014.

Já o México apresentou em junho de 2013 uma estratégia nacional de mudanças climáticas para combater os efeitos adversos do fenômeno, e em novembro do ano passado lançou sua primeira plataforma para comércio de carbono, a MéxiCO2.

“O México e a Califórnia têm um longo histórico de cooperação ambiental, e se reconhecem como parceiros estratégicos na cooperação pelos desafios das mudanças climáticas e protegendo e preservando nossos recursos naturais”, comentou Rodolfo Lacy, subsecretário do Ministério de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais.

“O acordo assinado levará nosso trabalho conjunto para um nível totalmente novo de cooperação, refletindo em resultados tangíveis e concretos que se reverterão em nosso benefício mútuo”, continuou Lacy.

Além do tratado com o México, a Califórnia também adotou em 2013 com os estados norte-americanos do Oregon e de Washington e com a província canadense da Colúmbia Britânica uma série de metas compartilhadas para reduzir as emissões de GEEs em suas respectivas regiões.

O estado, que é a oitava maior economia do mundo, firmou ainda um pacto semelhante com a cidade chinesa de Shenzhen, também no ano passado.



Fonte: Mercado Ético



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Como restaurar o equilíbrio intestinal de cães e gatos

Leia Mais