Notícias

Carregue seu garfo e faca – ou aposte em alternativas compostáveis e biodegradáveis

Compartilhe:     |  8 de agosto de 2019

Bilhões de garfos, facas e colheres de plástico são descartados inadequadamente todos os anos, poluindo o meio ambiente. Esse material é feito de polipropileno e poliestireno, substâncias não biodegradáveis e que, por isso, demoram séculos para se decompor na natureza. Elas se acumulam em aterros, lixões e nos mares, onde podem ser ingeridas por animais. A organização Ocean Conservancy lista os talheres de plástico um dos itens “mais mortíferos” para tartarugas marinhas, pássaros e mamíferos.

Mas podemos mudar isso. Uma solução é carregar seus próprios talheres. Veja o que aconteceu na China: ambientalistas fizeram uma campanha para que as pessoas carregassem seus próprios hashis. Que tal você também carregar seu garfo e faca?

A National Geografic fez um artigo só sobre esse tema, leia aqui na íntegra.

Também no movimento contra os talheres de plástico, algumas empresas começaram a criar utensílios a partir de materiais vegetais. São alternativas para quando não é possível carregar o seu:

1. Aspenware: a marca canadense emprega excedentes de madeira da indústria na composição de seus utensílios.

2. Lifepack: a startup colombiana utiliza como matéria-prima para a fabricação de talheres restos das cascas do milho e de coroas de abacaxi. Ao fim do uso, eles podem ser jogados na terra para se decompor.

3. BioFase: do México, e empresa usa o caroço de abacate para produzir facas e garfos que podem ser reutilizados várias vezes. E quando o descarte for inevitável, basta enterrá-los no solo.

4. Biotrem: faz utensílios a partir do farelo de trigo que são 100% biodegradáveis.

Além de priorizar iniciativas como essas, quando possível, o consumidor consciente pode ainda reduzir sua produção de resíduos. Nesse sentido, os 4R’s, REPENSAR, REDUZIR, REUTILIZAR e RECICLAR são ações que estão ao alcance de todo mundo, no dia a dia. Faça a sua parte e seja um consumidor consciente!



Fonte: Akatu



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Estresse passa do dono para o cachorro

Leia Mais