Notícias

Casa mantida por energias do sol, vento e com água de poço pode custar R$ 200 mil, na PB

Compartilhe:     |  27 de maio de 2015

Imagine uma casa onde você pode viver sem gastar dinheiro com contas de água, luz e ainda proteger o meio ambiente. Essa alternativa já existe e pode ser conferida na Casa Ecoeficiente, em Campina Grande, que é dotada de recursos e sistemas que funcionam a partir de energia solar, eólica e com água de poço. Veja detalhes na matéria em vídeo, logo abaixo.

Localizada na avenida Assis Chateaubriand, n° 4585, no Distrito Industrial, a casa foi projetada pelo Centro de Inovação e Tecnologia Industrial (CITI) do Senai e funciona também como laboratório.

Inaugurada em 26 de abril de 2006, a casa tem 350 metros quadrados, possuindo dependências usuais de uma residência de padrão médio, que tem o objetivo de disseminar tecnologias de materiais alternativos na construção civil, gestão eficiente de águas domésticas e aplicações da energia solar fotovoltaica, solar térmica e eólica.

Segundo o Senai, a Casa Ecoeficiente foi desenvolvida com soluções para propiciar a máxima eficiência energética, e conforto térmico integrados ao projeto arquitetônico, valorizando os conceitos de aproveitando da ventilação e a iluminação natural. Na construção, foram utilizados materiais ecologicamente corretos e eficientes (tijolos e paredes monolíticas de solo-cimento, painéis térmicos com placas de isopor e de resíduos sólidos, telhas de fibras vegetais, piso usando madeira de demolição e resíduos industriais).

Já as instalações elétricas da Casa são alimentadas por um sistema híbrido de geração de energia (painéis fotovoltaicos e turbina eólica).

Assista à matéria exibida na TV Correio HD.



Fonte: Portal Correio



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Lei que proíbe piercings e tatuagens em animais é sancionada no Distrito Federal

Leia Mais