Notícias

Casas populares pré-fabricadas usam palha como isolante natural

Compartilhe:     |  11 de junho de 2019

Os projetos de habitações sociais têm dado espaço para o experimento de novos tipos de construção, que podem levar em conta aspectos sustentáveis por exemplo. No município de Nogent-le-Rotrou, na França, um programa de residência popular lançou um conjunto de treze casinhas pré-fabricadas.

A estrutura de cada casa é feita com chapas de madeira preenchidas com fardos de palha comprimidas, que fazem a vez de um isolante acústico e térmico. Com isso cria-se o conforto térmico necessário para não haver gastos energéticos desnecessários. Por serem muito leves, elas puderam ser pré-fabricadas e depois facilmente manuseadas.

Por fora, o resultado também não deixa a desejar. Foram usadas madeiras com acabamentos variados: sendo algumas em tons mais naturais e outras com a técnica japonesa de carbonização -, que conferem um ar rústico. Outro ponto interessante é que elas possuem o típico perfil de telhado inclinado triangular, o que remonta à imagem simbólica de casa que criamos na infância.

“Trata-se de questionar a habitação individual agrupada e a noção de ‘subdivisão’. Nosso trabalho foi inicialmente orientado para explorar técnicas inovadoras e ecológicas e a construção de habitações sociais com eficiência energética era uma questão importante”, explica o escritório de arquitetura NZI Architectes, responsável pelo projeto.

Fotos: Juan Sepulveda Grazioli

As treze residências são separadas em três blocos e conectadas por um caminho pedonal. Além de interessantes esteticamente, elas representam a possibilidade de se questionar as construções tradicionais ao passo que mais e mais pessoas precisam de um teto para viver. Saiba mais sobre esse tema aqui.



Fonte: CicloVivo



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Projeto de lei ‘Animal não é coisa’ é aprovado pelo Senado

Leia Mais