Notícias

Caucaia, no Ceará, criará a sua 1ª unidade de conservação municipal

Compartilhe:     |  6 de maio de 2019

Na tarde da última terça-feira, dia 30/04, foi entregue à Prefeitura do município de Caucaia, no Ceará, a minuta do decreto que criará a sua 1ª unidade de conservação: o Monumento Natural da Serra da Rajada (CE). A unidade objetiva proteger e preservar a biodiversidade e o sítio natural raro, singular e de extraordinária beleza cênica que configura a Serra da Rajada. O monumento ocupará uma área de 373,85 hectares de Caatinga e uma zona de amortecimento de 2.900,47 hectares.

A área foi escolhida pela importância da Pedra da Rajada, ponto mais alto da Serra e local bastante procurado por visitantes da região metropolitana e até mesmo de regiões mais distantes. De acordo com Andrea Moreira, gestora ambiental da Secretaria do Meio Ambiente (SEMA), “a presença de espécies ameaçadas e outras que só são encontradas no Ceará e no Bioma Caatinga, além do tipo de fitofisionomia da Serra da Rajada que ocorre somente em 4% de todo o território cearense, os chamados ‘brejos de altitude’, já justificaria a criação da unidade de conservação”.

Conforme ressalta o secretário da SEMA, Artur Bruno: “É uma espaço de montanha que precisa ser preservada e a Prefeitura mostrou que tem sensibilidade ambiental, priorizando e viabilizando a criação. Tem uma flora e fauna extremamente importante para o Ceará”.

A assinatura do decreto acontecerá em ato durante a Semana do Meio Ambiente, no decorrer de junho.

Foto: Thiago Barros

Foto: Thiago Barros

Foto: Thiago Barros



Fonte: Wikiparques)) - Rafael Ferreira - *Com informações da Prefeitura de Caucaia e da Secretaria do Meio Ambiente do Ceará



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Estresse passa do dono para o cachorro

Leia Mais