Notícias

Cidade de Pequim banirá uso de carvão até 2020 em uma tentativa para diminuir a poluição do ar

Compartilhe:     |  5 de agosto de 2014

De acordo com a agência oficial de notícias Xinhua, o Escritório de Proteção Ambiental do Município de Pequim obrigará as seis principais regiões da cidade a pararem de utilizar carvão ainda nesta década, em uma tentativa para diminuir a poluição do ar.

Dongcheng, Xicheng, Chaoyang, Haidian, Fengtai e Shijingshan deverão desativar até 2020 suas termoelétricas a carvão, assim como quaisquer outras instalações que utilizem esse combustível fóssil para gerar energia ou calor.

Segundo números oficiais, 17% da energia consumida em Pequim vem das termoelétricas a carvão da própria cidade. O Escritório espera compensar essa perda com o aumento do uso de fontes renováveis e do gás natural, e também com medidas de eficiência energética.

Essa é apenas a iniciativa mais recente para lidar com o grave problema de poluição na China. Em maio, o governo federal anunciou que retirará seis milhões de veículos das ruas por serem considerados poluentes demais.

São comuns em Pequim e em outras grandes cidades chinesas os dias em que a poluição do ar ultrapassa em mais de 20 vezes o limite que Organização Mundial da Saúde (OMS) considera seguro para a saúde humana.

Crédito imagem: Greenpeace



Fonte: Instituto CarbonoBrasil - Fabiano Ávila



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

5 coisas horríveis que você não sabia que aranhas podem fazer com você

Leia Mais