Notícias

Como fazer carne de jaca verde e outras receitas com a fruta

Compartilhe:     |  17 de setembro de 2020

Versátil e nutritiva são dois adjetivos que descrevem bem a jaca. É verdade que muita gente logo torce o nariz para a fruta, dado o seu cheiro marcante. Mas esse não é um motivo para desprezá-la. A jaca é rica em rica em antioxidantes, vitaminas A e C e fibras, nutrientes essenciais para a dieta. No que diz respeito à versatilidade, supera muitas frutas. Para além de consumir sua polpa, adicioná-la a sucos e iogurtes e fazer geleias e doces caseiros, a jaca pode ser um substituto em receitas que levam carne. Isso mesmo. A chamada carne de jaca, que pode ser preparada em casa a partir da fruta verde ou encontrada em supermercados e negócios especializados em produtos veganos, tem um sabor neutro e vai muito bem em receitas salgadas. Com ela, dá para fazer refogados, recheios e até sanduíches, como você poderá ver a seguir nas receitas da chef consultora da Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB) Myllena Salles.

Jaca é muito versátil, podendo ser consumida in natura e em doces, como outras frutas, mas também em receitas salgadas — Foto: Pixabay

Jaca é muito versátil, podendo ser consumida in natura e em doces, como outras frutas, mas também em receitas salgadas — Foto: Pixabay

Mas a nutricionista Vanderli Marchiori, integrante da Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição (Sban) e conselheira da Associação Brasileira de Nutrição Esportiva (ABNE) tem uma dica especial para atletas e pessoas que praticam esportes e exercícios físicos regulamente e precisam contar com o consumo de antioxidantes para reduzir os impactos do estresse físico intenso. Além disso, antes da atividade, podem fazer uso de alimentos que garantam uma boa carga de açúcares livres. Por isso, a nutricionista sugere um suco pré-treino em que a jaca é combinada com beterraba crua e limão.

– O suco de limão aumenta os efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios, pois conta com outro grupo de polifenóis. Para atletas e pessoas que fazem atividades físicas isso é muito importante e contribui até para prevenir lesões – emenda Marchiori.

Já a nutricionista da SVB Alessandra Luglio chama a atenção para as propriedades da carne de jaca. No processo de lavar e cozinhar a fruta verde para prepará-la, há uma diminuição dos micronutrientes. Dessa maneira, do ponto de vista nutricional, o principal benefício da carne de jaca é garantir um bom aporte de fibras.

– Ela não é fonte de proteína, embora seja utilizada como substituto da carne animal em receitas. A carne de jaca aceita bem qualquer tipo de tempero. Em todas as receitas em que se usa carne moída ou frango, dá para usar carne de jaca – afirma Luglio, lembrando que, como, em média, o brasileiro consome menos fibra do que a quantidade diária recomendada, consumir carne de jaca pode ser uma boa alternativa para aumentar esse aporte.

Receitas com jaca

Confira a seguir como fazer o suco pré-treino sugerido pela nutricionista Vanderli Marchiori para atletas e praticantes de exercícios. Já a chef consultora da SVB Myllena Salles ensina a preparar a jaca verde e a utilizá-la em receitas como arroz cremoso com abóbora e jaca seca, chilli de jaca verde e feijão carioca e moqueca de jaca verde.

Suco pré-treino

 

Suco pré-treino de jaca, beterraba crua e suco de limão — Foto: Pexels

Suco pré-treino de jaca, beterraba crua e suco de limão — Foto: Pexels

Ingredientes:

  • Meia xícara de polpa de jaca
  • Suco de um limão
  • 1/4 de uma beterraba pequena crua

Modo de preparo:

  1. Bata os ingredientes em um liquidificador e consuma o suco em seguida;
  2. Não adoce. A jaca é uma fruta bem doce. Nesse sentido, além de adicionar nutrientes, o limão ajuda a equilibrar e cortar sabor excessivamente doce.

Como preparar a carne de jaca verde

Utensílios e ingredientes:

  • 1 jaca verde
  • 1 panela de pressão
  • 1 faca afiada
  • 1 tábua
  • Óleo

Modo de preparo:

  1. Comece passando óleo na faca, na tábua, no interior da panela de pressão e nas mãos. A jaca verde solta uma seiva grudenta. O óleo facilitará o manuseio da fruta, bem como o processo de limpar os utensílios, ao final do preparo;
  2. Lave bem o exterior da jaca com o auxílio de uma esponja. Em seguida apoie a jaca na tábua e corte-a em fatias grossas de aproximadamente 10 cm. Corte essas fatias em quatro partes;
  3. Acomode os pedaços de jaca na panela de pressão e cubra com água. Se a sua panela de pressão for pequena, dependendo do tamanho da jaca, será necessário repetir esse processo duas ou três vezes;
  4. Cozinhe em fogo médio. Quando a panela pegar pressão, deixe cozinhar por 15 minutos;
  5. Deixe que a pressão da panela saia sozinha. Escorra a água e deixe a jaca esfriar para descascar;
  6. Descarte somente a casca verde da jaca, todo resto poderá ser aproveitado. O caroço, que, quando cozido, tem uma textura semelhante à do pinhão, pode ser usado como aperitivo ou em saladas. Já o miolo ou palmito, que necessita um tempo maior de cozimento, pode ser cortado em pedaços e usados em pratos como estrogonofe e moqueca ou ainda assado ou cozido com molho. A chamada carne da jaca é a parte mais fibrosa e, portanto, fácil desfiar. Ela pode ser usada em recheios, refogada ou em lanches. Temperos como páprica defumada, cominho, noz moscada e pimenta do reino são muito usados nos preparos de receitas com carne de jaca.

Arroz cremoso com abóbora e jaca seca

 

Arroz cremoso com abóbora e jaca seca — Foto: Divulgação/Chef Myllena Salles

Arroz cremoso com abóbora e jaca seca — Foto: Divulgação/Chef Myllena Salles

Rendimento: 5 porções

Ingredientes:

  • 2 xícaras de arroz cozido al dente
  • 200 gramas de abóbora cabotiá
  • 1 xícara de jaca verde desfiada (pré-cozida e limpa)
  • 1 cebola picada
  • 3 colheres de sopa de alho poró fatiado
  • 1 tomate bem picado sem sementes
  • 1 colher de chá de páprica defumada
  • 1/2 colher de chá cominho
  • 1/4 de colher de chá de noz moscada
  • 1/2 colher de chá de pimenta do reino
  • 1/2 colher de chá de fumaça líquida (opcional)
  • 2 colheres de sopa de salsinha picada
  • Azeite
  • Sal a gosto

Modo de preparo:

  1. Em uma assadeira, coloque a jaca desfiada. Regue com um pouco de azeite, coloque a páprica defumada, cominho, noz moscada, a fumaça líquida e sal. Misture bem. Asse no forno a 200 graus por 15 minutos para que a jaca fique levemente seca. Não ultrapasse esse tempo para que a jaca não fique dura. Reserve;
  2. Cozinhe a abóbora até que fique macia. Deixe esfriar e reserve 1 xícara da água do cozimento. Bata no liquidificador até formar um creme. Reserve;
  3. Em uma panela grande, refogue a cebola e, em seguida, o alho poró até que fiquem dourados. Adicione o tomate, a pimenta do reino e a jaca seca. Mas não use toda a jaca seca. Separe um pouco para finalizar o prato como na foto;
  4. Quando o tomate amolecer, adicione o arroz cozido e o creme de abóbora. Acerte o sal e cozinhe por três minutos, sempre mexendo até que encorpe e fique cremoso;
  5. Coloque a salsinha picada, misture e desligue o fogo;
  6. Finalize o prato com a jaca seca.

Chilli de jaca verde e feijão carioca

 

Chilli de jaca verde e feijão carioca — Foto: Divulgação/Chef Myllena Salles

Chilli de jaca verde e feijão carioca — Foto: Divulgação/Chef Myllena Salles

Rendimento: 10 porções

Ingredientes:

  • 2 xícaras de jaca verde desfiada (pré-cozida e limpa)
  • 1 xícara de feijão carioca cozido e sem caldo
  • 1 cebola bem picada
  • 4 dentes de alho amassados
  • 1 pimentão verde picado
  • 1 tomate picado sem sementes
  • 1 xícara de milho em conserva
  • 1 pimenta dedo de moça bem picada (sem sementes)
  • 1 xícara de molho de tomate
  • 1 colher de chá de páprica defumada
  • 1/2 colher de chá de cominho
  • 1/2 colher de chá de pimenta do reino
  • 3 colheres de sopa de salsinha picada
  • Óleo para refogar
  • Sal a gosto

Modo de preparo:

  1. Em uma panela grande e larga, comece refogando a cebola e o pimentão até que fiquem levemente dourados. Adicione o alho e a pimenta dedo de moça e refogue até tudo esteja bem dourado;
  2. Adicione a jaca desfiada, o tomate e o milho. Refogue até que tudo esteja macio e o tomate desmanche;
  3. Coloque os demais ingredientes, exceto o feijão carioca e o molho de tomate;
  4. Cozinhe por 5 minutos em fogo baixo até que encorpe;
  5. Adicione o feijão e o molho de tomate e cozinhe por mais 5 minutos até que engrosse;
  6. Finalize com salsinha picada.

Moqueca de jaca verde

 

Moqueca de jaca verde — Foto: Divulgação/Chef Myllena Salles

Moqueca de jaca verde — Foto: Divulgação/Chef Myllena Salles

Rendimento: 8 porções

Ingredientes:

  • 2 xícaras de jaca verde em pedaços (pré-cozida e limpa)
  • 1 pimentão vermelho cubos médios
  • 1 pimentão amarelo em cubos médios
  • 1 tomate em cubos médios
  • 1 cebola cortada em cubos
  • 4 dentes de alho amassados
  • 2 colheres de sopa de azeite de dendê
  • 1 colher de sopa de azeite de oliva
  • 2 xícaras de leite de coco
  • 3 colheres de sopa de coentro picado
  • 1/2 colher de chá de cominho
  • 1/2 colher de chá de pimenta do reino
  • 1 folha nori triturada no liquidificador (opcional)
  • Sal a gosto

Modo de preparo:

  1. Em uma panela funda, comece refogando a cebola, o pimentão amarelo e vermelho até que fiquem levemente dourados. Adicione o alho e refogue até que tudo esteja dourado;
  2. Adicione a jaca, o tomate e coentro e refogue até que comecem a amolecer;
  3. Acrescente os demais ingredientes e misture. Deixe cozinhando em fogo baixo com a panela fechada por 15 minutos, até que encorpe e o caldo engrosse;
  4. Desligue o fogo e finalize com coentro picado.


Fonte: Eu Atleta - Por Gabriela Bittencourt



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Aromaterapia para cães tem vantagens, mas exige conhecimento

Leia Mais