Notícias

Como reciclar mais de 50% do lixo do seu ambiente de trabalho?

Compartilhe:     |  24 de abril de 2021

Plano Nacional de Resíduos Sólidos (Planares) propõe novas regras para melhorar a gestão de resíduos no País. O documento, que possui 186 páginas, traz vários indicadores e metas, sendo uma delas, o acesso de 72,6% da população à coleta seletiva até 2040.

E nós não precisamos esperar quase vinte anos para começar a fazer algo pelo planeta. É possível começar agora, incorporando alguns hábitos cotidianos no ambiente de trabalho, que facilitem a separação de resíduos e, consequentemente, a reciclagem.

Para isso, vamos relacionar algumas dicas sobre como contribuir para uma economia mais circular.

1. Conscientização

A reciclagem deve ser fácil e intuitiva. Como? Se você percebe que o seu local de trabalho não faz a separação dos resíduos, procure os responsáveis e comece um trabalho de conscientização entre os funcionários, instalando coletores adequados que facilitem a separação dos resíduos por tipo: papéis, metais, vidros , plásticos e orgânicos.

É importante orientar os funcionários para que façam o descarte nos locais certos, começando com um trabalho de conscientização. Depois, tudo deve ser encaminhado para organizações especializadas na coleta e reciclagem desses materiais.

Reserve também um local para armazenar resíduos que devem ser tratados de forma diferenciada, como lâmpadas, pilhas e embalagens de sprays aerossol, por exemplo.

2. Priorize os resíduos mais gerados no ambiente corporativo

Em um escritório, por exemplo, muito provavelmente papel, plástico e lixo eletrônico são alguns dos resíduos mais gerados no dia a dia. E para que cada um desses itens seja bem aproveitado na reciclagem, eles devem ser separados e descartados corretamente.

Os copos descartáveis são bastante comuns nas empresas. Seja pela praticidade ou mesmo para evitar a proliferação de doenças, esse material conta com um descarte adequado, com total aproveitamento da matéria-prima, que pode ser feito através do Programa de Reciclagem de Copos Descartáveis.

Criado pela Braskem, em parceria com a Dinâmica Ambiental, o programa garante a coleta e o encaminhamento dos copos descartáveis para que sejam reciclados e transformados em novos produtos. O programa também orienta as empresas sobre como instituir os procedimentos de logística para o destino correto desse material após o seu uso. Além disso, o programa conta com o apoio das empresas CopobrasAltacoppoUnigel e Innova. Para mais informações sobre como aderir, acesse este link.

O uso do papel já reduziu bastante com o aumento do uso dos recursos digitais, porém, alguns lugares ainda fazem uso dele. E, antes de sair amassando o papel para jogar no lixo, tome alguns cuidados para que haja um bom aproveitamento desse material na reciclagem: 1º não misture papel limpo com papéis sujos, contaminados com resíduos de alimentos; 2º armazene em local seco; 3º procure empresas que fazem esse tipo de coleta.

Pilhas, baterias, lâmpadas e todo lixo eletrônico gerado no ambiente corporativo também merece um descarte adequado. Quando esses resíduos são descartados de forma inadequada, eles podem causar danos à saúde pública e ao meio ambiente. Isso porque, placas e outros circuitos eletrônicos possuem quantidades significativas de metais pesados – especialmente mercúrio, chumbo e cádmio. Neste link você encontra pontos de descarte para esses materiais.



Fonte: Pensamento Verde



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Dente-de-leão: uma planta benéfica também para saúde dos cães

Leia Mais