Notícias

Construção de barragem no município de Cuité é suspensa após descoberta de inscrições rupestres

Compartilhe:     |  15 de novembro de 2014

Inscrições rupestres existentes em uma das paredes de pedra do boqueirão do Rio Japí, na zona rural de Cuité, região do Curimataú, levaram o Governo do Estado a parar temporariamente a construção da barragem Retiro.

A barragem é parte do sistema adutor do Retiro e deverá abastecer de água cerca de 45 mil pessoas, além de beneficiar animais e a agricultura, mas a pedra com as figuras milenares ficaria submersa. A obra continua em outros setores, onde está em construção uma adutora de 18 km que fará ligação com a barragem de Boqueirão do Cais, ampliando o abastecimento para Cuité, Damião e Nova Floresta.

Segundo o historiador Vanderley Brito, presidente da Sociedade Paraibana de Arqueologia, a arte rupestre encontrada em diferentes lugares da Paraíba ainda é um mistério e permanece sem ser decifrada. “Todo o sítio arqueológico é da máxima importância porque carrega uma informação que pode servir de chave para o enigma. Sabemos que esses gráficos podem ter sido feitos por homens que viveram aqui há mais de 6 mil anos atrás, mas ainda não compreendemos o significado”, esclarece o professor.

Este sítio localizado em uma pedra de mais de 3 metros de altura, em uma das laterais do Rio Japí, foi descoberto no século XIX pelo naturalista francês Jacques Brunet. Em 2002, os historiadores Washington Luis de Meneses e o próprio Vanderley Brito fizeram um levantamento, mas os desenhos feitos em tinta vermelha requerem mais estudos.

No final de outubro, uma equipe da Sociedade Paraibana de Arqueologia esteve no local, e fez um relatório que foi enviado ao Governo do Estado e ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan-PB). O secretário da Secretaria Estadual dos Recursos Hídricos, do Meio Ambiente e da Ciência e Tecnologia (SERHMACT), João Azevedo, informou que recebeu o relatório e solicitou ao Iphan um posicionamento. “Enquanto isso, suspendemos os trabalhos na barragem, pois reconhecemos a importância arqueológica do sítio”, garantiu.

Pedra do Boqueirão, em Cuité

Pinturas rupestres encontradas na Paraíba são consideradas um mistério

Sítio arqueológico está localicado em pedra de mais de 3 metros de altura



Fonte: Portal correio



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Estresse passa do dono para o cachorro

Leia Mais