Notícias

Dicas da nutricionista para você não exagerar no restaurante por quilo

Compartilhe:     |  7 de julho de 2019

É uma cena corriqueira para quem não tem tempo de preparar as marmitas da semana: você decide ir a um restaurante daqueles “por quilo” na hora do almoço, e acaba comendo muito mais do que a quantidade que te deixaria satisfeita. Ou então ataca as massas e as carnes gordurosas. Isso não é muito bom para quem está tentando manter os quilinhos em dia ou até mesmo para quem busca a alimentação equilibrada.

Mas então como montar um prato saudável e conseguir resistir à tanta tentação disponível? A nutricionista Mariana Vilela Strang, da Clínica Cristiane Coelho, em São Paulo, dá as dicas:

Não vá morrendo de fome
Um dos erros mais comuns de quem almoça fora de casa é chegar no restaurante faminta. Desse modo, é claro, fica muito mais fácil exagerar. “Quando estamos morrendo de fome, perdemos a capacidade de escolher nossos pratos. O ideal é sair para almoçar quando a vontade está chegando”, diz Mariana. Se você perceber que ainda vai demorar para comer, vale a pena optar por um lanchinho entre o café da manhã e a próxima refeição. Frutas são ótimas opções.

Comece pela salada
Na hora de se servir, vá direto para a seção das saladas cruas, legumes e verduras quentes e sopas. É uma ótima maneira de começar a refeição, preparar o estômago e não fazer escolhas erradas quando for para os carboidratos e proteínas.

Escolha um de cada
Linguiça, picanha, peixe, macarrão, arroz e batata. Não é estranho vermos pratos com mais de um carboidrato e proteína, afinal, dá vontade de pegar de tudo um pouco mesmo, né?

Mas saiba que essa não é uma boa estratégia. “Ao escolher um só tipo de carboidrato e proteína, consumimos a quantidade adequada do alimento. Caso contrário, pode surgir a vontade de comer bem mais e repetir o prato. Prefira um ingrediente de cada grupo alimentar”, explica a nutricionista.

Cuidado com as folhas cruas
Sim, salada e verduras cruas só em locais que você sempre vai e sabe que tudo é preparado com muita higiene. Isso vale principalmente para as grávidas. Se você estiver em um restaurante desconhecido, é mais seguro ingerir os cozidos.

Esqueça a bebida
Durante a refeição, Mariana aconselha não tomar líquidos. “Isso atrapalha o processo digestório. Se quiser, divida uma água com uma amiga, mas beba no máximo 200 ml. Já as quantidades maiores devem ser ingeridas no mínimo 10 minutos antes. Depois de comer, espere até 1h30”, diz.



Fonte: Boa Forma



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Projeto de lei ‘Animal não é coisa’ é aprovado pelo Senado

Leia Mais