Entrevista

É fundamental divulgar informações confiáveis sobre COVID-19, diz Mauricio de Sousa

Compartilhe:     |  11 de outubro de 2020

A Turma da Mônica se uniu à campanha Verificado – iniciativa da Organização das Nações Unidas (ONU) para combater a desinformação nesta pandemia.

É fundamental disseminar informações confiáveis e em linguagem acessível para que as pessoas possam se prevenir contra a COVID-19, e a Turma da Mônica está colaborando com a ONU nesse sentido, contou o cartunista brasileiro Mauricio de Sousa em entrevista ao Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC Rio).

A Turma da Mônica se uniu à campanha Verificado – iniciativa da Organização das Nações Unidas (ONU) para combater a desinformação nesta pandemia.

Desde o início de setembro, conteúdos ilustrativos da Mônica e seus amigos estão sendo publicados em diversos canais de comunicação e nas redes sociais – Facebook, Twitter, Instagram e outras – da ONU Brasil e da Turma da Mônica. Até mesmo o Cascão resolveu lavar as mãos — o que, como os fãs dos personagens já sabem, é um grande acontecimento.

“A ONU tem um histórico importante nesta conscientização dos cidadãos do mundo pela sustentabilidade e pela saúde, entre outros temas fundamentais”, disse Mauricio de Sousa.

“Somos parceiros da ONU Mulheres com o projeto Donas da Rua, que ajuda as meninas a atingir todo seu potencial, e a Mônica é embaixadora do UNICEF (Fundo das Nações Unidas para a Infância) desde 2007, além de estarmos juntos com a OPAS (Organização Pan-Americana da Saúde) em várias campanhas de saúde, como a que esclarece sobre a importância de vacinar as crianças.”

“A iniciativa Verificado é fundamental neste momento em que as pessoas recebem informações contraditórias de várias fontes e podem ficar confusas. Como o nome diz, tudo hoje precisa ser verificado com fontes confiáveis”, declarou.

A campanha Juntos Contra o Coronavírus, da Mauricio de Sousa Produções (MSP), mostra engajamento nesse tema desde o início da pandemia, com as histórias dos personagens infantis aliadas à colaboração e ao desenvolvimento de ações que podem, de alguma forma, trazer benefícios para todos os cidadãos.

O cartunista contou também como está sendo sua rotina em tempos de pandemia. Aos 84 anos, ele trabalha em casa, em São Paulo (SP), onde vive com sua mulher e o cachorro Bidu. Leia a entrevista completa concedida por e-mail:

Mauricio de Sousa e a mulher, Alice Takeda. Foto: MSP

Como o sr. está lidando com o distanciamento social neste momento de pandemia?

Para minha surpresa estou até gostando dessa fase caseira. Não que eu trabalhe menos. Ao contrário, mas poder fazer reuniões quase que inimagináveis fisicamente me fez ver que podemos ganhar muito tempo que perdíamos no trânsito, por exemplo. Estou isolado apenas com minha esposa mais o Bidu e isso também está sendo muito bom para nós três.

Que tipo de atividade realiza em casa para manter a saúde física e mental?

Meu trabalho é meu divertimento porque gosto muito do que faço. E na calma da quarentena a imaginação voa, as perspectivas parecem estar ao alcance das mãos, no depois, ideias brotando à espera do tempo certo para a realização, enquanto acompanho online a produção do estúdio. E, para minha agradável surpresa, com a produção em alta na quantidade e na qualidade. Mesmo com o estúdio vazio.

Quais foram os impactos da pandemia na sua rotina de trabalho?

Leio muito, acompanho o material produzido pela Mauricio de Sousa Produções (MSP), posso assistir a um filme por noite, tenho longas e agradáveis conversas com minha mulher, Alice Takeda, diretora de arte da MSP (assuntos de trabalho). Posso me alimentar de forma equilibrada, tomar sol, pedalar na ergométrica em frente à TV, manter contato (online) permanentemente com a família.

Como foi a experiência ao visitar o neto recém-nascido?

Saímos de casa para visitá-lo depois de cinco meses isolados, eu e minha esposa. Parecia uma viagem dos sonhos, com todos aqueles cuidados requeridos na atual conjuntura. Mas ver aquela nova alminha surgindo, o pequeno Martin, em plena pandemia, nos fez acreditar no futuro.

Como surgiu a ideia da campanha “Juntos Contra o Coronavírus”?

Sempre participamos de campanhas ligadas à saúde, cidadania e solidariedade com nossos personagens. A Mônica é embaixadora do UNICEF há mais de 12 anos e o Chico Bento acaba de ser alçado ao posto de embaixador do WWF-Brasil, auxiliando com a conscientização e a educação para a proteção do meio ambiente.

No caso da campanha “Juntos Contra o Coronavírus”, colaboramos com informações dos profissionais de saúde com linguagem direta e fácil para todas as idades. No site que criamos, reunimos diversos conteúdos. Começamos com as recomendações do Ministério da Saúde para a prevenção da COVID-19 e depois produzimos guias informativos com ajuda de UNICEF, Centro de Pesquisa em Alimentos da USP (ForC-USP), Meu Pratinho Saudável. E virão outros! Todo mundo está empenhado num esforço global. Até o Cascão abandonou seus temores e lavou as mãos!

Qual a importância de atuar junto com a ONU na campanha Verificado?

A ONU tem um histórico importante nesta conscientização dos cidadãos do mundo pela sustentabilidade e pela saúde, entre outros temas fundamentais. Somos parceiros da ONU Mulheres com o projeto Donas da Rua, de empoderamento de meninas e, como já citei, a Mônica é embaixadora do UNICEF desde 2007, isso além de estarmos juntos com a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS/OMS) em várias campanhas de saúde, como a que esclarece sobre a importância de vacinar as crianças.

A campanha Verificado é fundamental neste momento em que as pessoas recebem informações contraditórias de várias fontes e podem ficar confusas. Como o nome diz, tudo hoje precisa ser verificado com fontes confiáveis.

Quais resultados espera que esta campanha tenha entre crianças e adultos?

Todos estamos exercitando a cidadania e a responsabilidade assumida para resolvermos os desafios que virão. Vejo com esperança o novo mundo transformado que nos espera. É importante levar ao maior número possível de pessoas informações confiáveis e em linguagem simples. E os personagens podem ajudar muito nisso.

Coordenada no Brasil pelo UNIC Rio, a iniciativa Verificado está colaborando com a Purpose, uma das maiores organizações de mobilização social do mundo, e com o apoio de articulação da NEXUS, uma rede global que une filantropos, empreendedores sociais e investidores de impacto para trazer soluções globais mais promissoras de nossa geração.

A iniciativa Verificado convida pessoas do mundo todo a se tornarem “voluntários da informação” e compartilharem conteúdo confiável e científico para manter suas famílias e comunidades seguras e conectadas.

A Verificado produz conteúdos atraentes e compartilháveis em torno de três temas: ciência – para salvar vidas; solidariedade – promover a cooperação local e global; e soluções – para defender o apoio às populações afetadas.

Você pode se inscrever para se tornar um voluntário da informação em www.compartilheverificado.com.br.

Maurício de Sousa e o cachorro que virou personagem, Bidu. Foto: MSP


Fonte: ONUBr



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

“Comida de humanos” pode até matar os pets! Veja os riscos dessa prática

Leia Mais