Notícias

Entre as várias pragas que atacam o pessegueiro, a mais frequente é a mosca-das-frutas

Compartilhe:     |  15 de junho de 2014

O ovo que ela coloca na casca do fruto, ao eclodir, libera uma larva que penetra no pêssego alimentando-se de sua polpa. Caso trate-se de um pomar doméstico, recomenda-se o ensacamento dos frutos e o uso de armadilhas e de iscas. É importante fazer uma permanente limpeza das fruteiras, retirando os frutos atacados que caem ao chão, para evitar que o ciclo reprodutivo do inseto se complete e aumente o número dele na área.

Em uma área maior ou de produção comercial, a sugestão é realizar pulverizações com inseticidas, produtos que devem ser adquiridos sob orientação de um técnico agrícola do varejo agropecuário local. O profissional terá possibilidade de identificar a praga com maior precisão e indicar o melhor inseticida e dosagem necessária. Por se tratar de um produto tóxico, deve-se ter atenção para o correto uso dos equipamentos de proteção individual (EPIs), que também podem ser encontrados em lojas especializadas.

CONSULTORA: GRACIELA DA ROCHA SOBIERAJSKI, pesquisadora do Instituto Agronômico de Campinas (IAC), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Av. Luiz Pereira dos Santos, 1500, Corrupira, Jundiaí (SP), CEP 13214-820, tel. (11) 4582-7284, [email protected]



Fonte: Revista Globo Rural



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

5 coisas horríveis que você não sabia que aranhas podem fazer com você

Leia Mais