Notícias

Excesso de chuva provoca prejuízos em lavouras de trigo do Paraná

Compartilhe:     |  30 de setembro de 2014

Os agricultores do sudoeste do Paraná estão preocupados com as lavouras de trigo. Há vários dias não para de chover e o excesso de água já compromete a safra.

A chuva não tem dado trégua desde quando começou, na semana passada. A água escorre pela superfície e forma lagoas no meio da lavoura de milho recém-brotado. Vários rios transbordaram na região. Um dos rios encobriu pelo menos cinco hectares de trigo ao longo da margem. O agricultor Dirceu Bozzi diz o dano já é certo. “No trigo que está pronto para colher, o PH vai cair. O pessoal não vai nem receber esses trigos”.

Pelas medições do Instituto Agronômico do Paraná (IAPAR), de quarta-feira (24) até a segunda-feira (29) já choveu 178 milímetros na região de Pato Branco, no sudoeste do estado. O volume representa 92% da média para todo o mês de setembro, que é de 192 milímetros.

O trigo acamado é um dos problemas visível nas lavouras. As plantas estão encharcadas e também acabam caindo por causa do vento. Há também a ocorrência de doenças, causadas pelo excesso de umidade. Já é possível perceber em meio às lavouras as espigas escuras, que já estão comprometidas.

“Como a chuva deve se estender até quarta ou quinta feira, só provavelmente pelo fim de semana para o agricultor conseguir entrar na lavoura e fazer aplicação curativa, porque preventiva o dano já está feito”, explica o agrônomo Sandro Perusso.



Fonte: Globo Rural



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Receitas de Biscoitos Saudáveis para Cachorros

Leia Mais