Notícias

Facilmente transportável, refrigerador móvel de baixo custo está ajudando vilas na Índia

Compartilhe:     |  20 de outubro de 2020

Um refrigerador termoelétrico móvel e de baixo custo foi projetado pelas empresas Sprout Studios e Draper. Inspirados em populações de baixa renda da Índia, o conceito visa ser útil para os que não dispõem de muitos recursos para a compra e manutenção de uma geladeira tradicional.

Enquanto para alguns pode ser impensável, para muitos a vida ainda é cheia de restrições: a ONU estima que 1 bilhão de pessoas no mundo todo vivem sem eletricidade. Só no Brasil, segundo o IBGE, cerca 11 milhões de habitantes não têm acesso à energia elétrica.

Fogões à lenha, lampião e ferro a brasa não ficaram no século passado. E à medida que a crise climática se mostra cada vez mais evidente e recordes de calor são vividos até na capital da Finlândia, ter um refrigerador é essencial para manter uma alimentação segura – livre de contaminantes e desperdícios.

Vilarejos na Índia, que produzem uma grande quantidade de leite para o mundo, são exemplo. Os produtores precisam de locais seguros para fazer o armazenamento à noite e o transporte para instalações de pasteurização.

Neste sentido, foi pensando um modelo que demanda baixo consumo de energia e também pode operar a partir de fontes de energia fora da rede. Acoplar placas solares, por exemplo, seria uma solução para os locais onde não há fonte energética disponível.

“O chassi permite que a unidade de refrigeração superior seja removida enquanto a unidade de refrigeração inferior está sendo transportada. O resfriador usa a transferência de água e calor para resfriar o leite, enquanto o excesso de água quente pode ser usado para limpeza e banho”, explica a Sprout. Neste último ponto, também se reduz o desperdício de recursos.

“O chassi é construído em alumínio anodizado para mantê-lo leve e forte. Projetamos um sistema de roda sem ar para evitar superfícies planas em terrenos acidentados, que também utiliza um cubo regenerativo que alimenta uma bateria para manter as coisas frias enquanto em movimento”, continua a Sprout.

O foco foi criar um produto durável e inovador, além disso, o design multifuncional da alça permite que o usuário puxe a geladeira confortavelmente com a mão enquanto caminha ou pode ser acoplada em um veículo de transporte. O projeto foi financiado pela Fundação Gates.



Fonte: CicloVivo



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Estresse passa do dono para o cachorro

Leia Mais