Notícias

Fibra do abacaxi pode substituir o couro na fabricação de roupas e acessórios

Compartilhe:     |  14 de dezembro de 2016

Um novo teste mostrou que fibras de abacaxi podem substituir o couro na fabricação de roupas e acessórios. Chamado de piñatex, o material foi criado pela designer espanhola Carmen Hijosa a partir de uma técnica tradicional das Filipinas. Lá, as fibras de frutas são usadas para fabricar camisas especiais conhecidas como Barong tagalo.

Carmen conta que sua criação é uma ótima maneira de substituir o couro animal e que ganhou um prêmio de sustentabilidade. As fibras que constituem o material são extraídas das folhas da fruta. Elas são cortadas e colocadas em camadas por um processo industrial. O subproduto desta prática é uma biomassa que ainda pode ser utilizada como fertilizante natural.

couro-de-abacaxi_02Após a fabricação, o tecido pode receber qualquer tipo de coloração e diferentes texturas. O tratamento permite que o piñatex fique ainda mais semelhante ao couro.

 

Segundo a criadora, o tecido pode ser usado em sapatos, bolsas, almofadas de sofá e cadeiras, roupas, painéis, assentos de automóveis e muito mais. O material é considerado vegan e foi adotado por algumas empresas desde o seu lançamento em 2014.



Fonte: Jornal Ciência - Julia Moretto



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Saúde pet: entenda o perigo de uma alimentação incorreta para cães e gatos

Leia Mais