Notícias

Finlândia registra queda recorde no consumo de carne e laticínios

Compartilhe:     |  27 de julho de 2020

A redução no consumo está ligada a preocupações ambientais e com a saúde

Um novo estudo feito pelo Instituto de Recursos Naturais da Finlândia aponta que os finlandeses estão consumindo cada vez menos carne e laticínios. Em contrapartida, alimentos à base de vegetais, vegetarianos estritos, registraram um aumento exponencial de preferência e consumo.

De acordo com o relatório, em 2019 a população finlandesa consumiu aproximadamente 80 kg de carne no ano passado. Isso equivale a uma diminuição de 1,8% – ou 1,5 kg – em relação ao ano anterior. Pela primeira vez, o país está flexibilizando as dietas e optando por menos alternativas à base de animais.

Enquanto o consumo de aves aumentou quase quatro por cento a partir de 2018, o consumo de carne de porco caiu. Diminuiu em média cinco por cento, ou cerca de 30,8 kg. Em 2019, o consumo de carne boi caiu cerca de meio quilo. O consumo de produtos lácteos como iogurte, queijo, creme e manteiga também caiu.

Um segundo relatório, feito pelo instituto independente Pellervo Economic Research, também apontou um crescente interesse por dietas à base de plantas. A empresa revelou que o aumento no consumo de vegetais e frutas pode ser atribuído ao “aumento da conscientização em saúde e meio ambiente na tomada de decisões dos consumidores”.

A professora de Cultura Alimentar da Universidade de Helsinque acredita que a diminuição do consumo de alimentos de origem animal está ligada a preocupações ambientais e espera que essa mudança seja permanente. Ela ressalta também que a pandemia trouxe uma nova educação alimentar para o país.



Fonte: Anda



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

“Comida de humanos” pode até matar os pets! Veja os riscos dessa prática

Leia Mais