Notícias

Gafanhotos em migração invadem região de cassinos e hotéis de luxo de Las Vegas

Compartilhe:     |  29 de julho de 2019

Seria legal relatar que um enxame de pragas desceu sobre a Cidade do Pecado como algum tipo de retribuição bíblica saída direto do livro do Êxodo, mas a história não é bem assim. Tecnicamente, são só gafanhotos de asas pálidas em migração mesmo.

Pelo menos é o que disse um entomologista do estado de Nevada na última quinta-feira (25) enquanto explicava por que hordas e hordas dessas coisas começaram a invadir a Strip, região central de Las Vegas onde ficam os cassinos e hotéis de lux, esta semana, de acordo com a CNN. Vídeos da invasão circulando nas mídias sociais são absolutamente aterrorizantes. E eu fiquei com coceira só de ver.

Os gafanhotos, como a maioria dos insetos, procuram luzes brilhantes, o farol icônico do Luxor Hotel and Casino encontrou uma nova vida como o tornado de insetos da região.

Aparentemente, isso tudo está acontecendo graças ao tempo na cidade.

“Parece que ao longo da história, quando temos um inverno úmido ou uma primavera, essas coisas se acumulam ao sul da cidade de Laughlin e até mesmo no Arizona. Teremos voos mais ou menos nessa época do ano, migrações e eles seguirão para o norte”, disse Jeff Knight, entomologista do Departamento de Agricultura do estado, segundo a CNN.

A média de chuvas do estado foi quase o dobro do habitual entre janeiro e junho, de acordo com a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica, chegando a 250 milímetros de precipitação. Isso faz deste ano o terceiro mais chuvoso dos registros históricos de Nevada para esse período de tempo.

E esta não é a primeira vez que um bando passa pela avenida. O gafanhoto de asas pálidas é uma espécie comum nos desertos de Nevada e, ocasionalmente, quando sua população fica muito grande, eles migram em massa para encontrar um novo lar, disse Knight à CNN. Ele disse que viu isso pelo menos quatro ou cinco vezes em seus 30 anos de carreira.

Felizmente, os pequenos insetos só parecem assustadores. Ao contrário das pragas com os quais eles estão relacionados, esses gafanhotos não são os arautos da fome e da miséria que a Bíblia descreve.

“Eles não carregam nenhuma doença. Eles não mordem”, disse Knight, de acordo com o Las Vegas Sun. “Eles não são nem uma das espécies que consideramos um problema. Eles provavelmente não causarão muito dano nem em um jardim.”

O entomologista acrescentou que a expectativa é que eles fiquem na região por mais uma semana antes de seguir sua migração. Seus gafanhotos bebês não sobreviveriam por lá. Por isso, eles vão procurar outro lugar para botar seus ovos, disse ele.

Espero que pelo menos tenham a chance de assistir a um show enquanto estiverem na cidade.



Fonte: GIZMODO - Alyse Stanley



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Entenda a Gravidez Psicológica em Cadelas!

Leia Mais