Notícias

Ibama anuncia queda de 24% nos alertas de desmatamento na Amazônia

Compartilhe:     |  26 de junho de 2014

O Ibama divulgou na manhã da sexta-feira, 20, os dados consolidados do Sistema de Detecção do Desmatamento na Amazônia Legal em Tempo Real (Deter), do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), que indicaram queda de 24% nos alertas de desmatamento no período de agosto de 2013 a maio de 2014.

Os números da fiscalização, resultado da Operação Onda Verde para o mesmo período avaliado, confirmam a atuação forte do Ibama: no total, foram 131 mil hectares de áreas embargadas nos nove estados da Amazônia Legal, cerca de R$ 1,2 bilhão em multas aplicadas, 99 tratores apreendidos, 44 caminhões, 90 motoserras, 23 armas de fogo, aproximadamente 3.600 metros cúbicos de madeira serrada e cerca de 27 mil, de madeira em tora.

Os estados de Mato Grosso e Pará, historicamente os maiores desmatadores, registraram também as maiores quedas nos índices consolidados de alertas do Deter. Segundo o diretor de proteção ambiental, Luciano Evaristo, O Pará tem sido um estado com maior atenção por parte do Ibama. “Nós estamos em uma verdadeira guerra porque o principal desmatador do Pará são os grileiros que montam acampamentos separados para dificultar a atuação do Ibama, porém nós estamos preparados e com estratégias traçadas para coibir o desmatamento ilegal,” afirma.

Com a adoção de medidas de inteligência e ações integradas, o Ibama, em conjunto com a Força Nacional, vem utilizando bases móveis como estratégia de combate e a descapitalização dos ilegais como forma de coibir a retomada do desmatamento.

Veja os dados mais recentes do DETER aqui.



Fonte: Envolverde - Ibama



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Quetzal: uma ave bela e misteriosa

Leia Mais