Dicas de Praia

Jericoacoara: da Lagoa do Paraíso à Pedra Furada, até pôr do sol é um verdadeiro evento

Compartilhe:     |  29 de dezembro de 2019

As ruas são todas de areia e não faltam becos apertados cheios de lojas de artesanato e boas opções de restaurantes. E não há postes de iluminação. À noite, a luz vem das casas, pousadas e estabelecimentos comerciais. Só carros autorizados podem circular e não se espante ao encontrar alguém usando cavalo para se locomover.

Esse é o clima ‘roots’ de Jericoacoara, no extremo oeste do Ceará. Destino em alta, a vila possui vocação turística tão grande que os passeios são divididos por lado: oeste ou leste.

Por causa da areia fofa nas estradas e das dunas, a melhor opção é andar de buggy, quadriciclo ou carro com tração nas quatro rodas. Por Jeri, como a vila é chamada, o Descubra o Brasil encontrou relaxamento e aventura.

Nas lagoas do Paraíso e da Tatajuba, a água é morna e não faltam redes para o turista descansar. No lado oeste, tirolesa e toboágua rústico, terminando direto nas lagoas.

Quem gosta de fotos em cartões postais, pode caminhar pela praia da Malhada até chegar na Pedra Furada. Ou se aventurar nos balanços espalhados pelo Mangue Seco.

Quer conhecer melhor Jeri? Veja no vídeo acima como é passar uns dias na vila e ainda assistir o pôr do sol na duna ao lado da praia central – um verdadeiro evento que pára Jericoacoara.

Arte — Foto: Wagner Magalhaes/G1

Arte — Foto: Wagner Magalhaes/G1

Na Lagoa do Paraíso, turistas relaxam em rede e aproveitam a água doce — Foto: Celso Tavares/G1

Na Lagoa do Paraíso, turistas relaxam em rede e aproveitam a água doce — Foto: Celso Tavares/G1

Em acesso gratuito à Lagoa do Paraíso, turistas relaxam em dia de sol — Foto: Celso Tavares/G1

Em acesso gratuito à Lagoa do Paraíso, turistas relaxam em dia de sol — Foto: Celso Tavares/G1

No Buraco Azul, cor da água chama atenção — Foto: Celso Tavares/G1

No Buraco Azul, cor da água chama atenção — Foto: Celso Tavares/G1

No Buraco Azul, cor da água chama atenção — Foto: Celso Tavares/G1

No Buraco Azul, cor da água chama atenção — Foto: Celso Tavares/G1

Redes também são opção para turista descansar no Buraco Azul — Foto: Celso Tavares/G1

Redes também são opção para turista descansar no Buraco Azul — Foto: Celso Tavares/G1

Com a aproximação do pôr do sol, turistas caminham até a duna da praia central — Foto: Celso Tavares/G1

Com a aproximação do pôr do sol, turistas caminham até a duna da praia central — Foto: Celso Tavares/G1

Com a aproximação do pôr do sol, turistas caminham até a duna da praia central — Foto: Celso Tavares/G1

Com a aproximação do pôr do sol, turistas caminham até a duna da praia central — Foto: Celso Tavares/G1

Pôr do sol em Jericoacoara reúne tantos turistas na mesma duna que já virou evento diário na vila — Foto: Celso Tavares/G1

Pôr do sol em Jericoacoara reúne tantos turistas na mesma duna que já virou evento diário na vila — Foto: Celso Tavares/G1

Entardecer na praia central de Jericoacoara — Foto: Celso Tavares/G1

Entardecer na praia central de Jericoacoara — Foto: Celso Tavares/G1

Descida em toboágua é opção de aventura em Jeri — Foto: Celso Tavares/G1

Descida em toboágua é opção de aventura em Jeri — Foto: Celso Tavares/G1

Descida no toboágua termina em lagoa do lado oeste da vila — Foto: Celso Tavares/G1

Descida no toboágua termina em lagoa do lado oeste da vila — Foto: Celso Tavares/G1

Turistas se preparam para andar na tirolesa: aventura em Jeri — Foto: Celso Tavares/G1

Turistas se preparam para andar na tirolesa: aventura em Jeri — Foto: Celso Tavares/G1

Lagoa de Tatajuba: opção de descanso no lado oeste — Foto: Celso Tavares/G1

Lagoa de Tatajuba: opção de descanso no lado oeste — Foto: Celso Tavares/G1

Mangue Seco: parada estratégica para fotos em meio aos galhos retorcidos — Foto: Celso Tavares/G1

Mangue Seco: parada estratégica para fotos em meio aos galhos retorcidos — Foto: Celso Tavares/G1

Mangue Seco: parada estratégica para fotos em meio aos galhos retorcidos — Foto: Celso Tavares/G1

Mangue Seco: parada estratégica para fotos em meio aos galhos retorcidos — Foto: Celso Tavares/G1

Mangue Seco: parada estratégica para fotos em meio aos galhos retorcidos — Foto: Celso Tavares/G1

Mangue Seco: parada estratégica para fotos em meio aos galhos retorcidos — Foto: Celso Tavares/G1



Fonte: G1 - Lucas Rezende



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Não há evidências de que o coronavírus possa infectar gatos

Leia Mais