Ecologia e Saúde

Lista de 10 flores comestíveis com super dicas de consumo

Compartilhe:     |  28 de março de 2021

 

Comer flores te parece uma coisa estranha? Pois é, talvez muita gente ainda não tenha percebido, mas nós já comemos flores e há tempos: alcachofra, couve-flor e brócolis são flores que comemos normalmente e nem nos lembramos que são flores.

Mas além destas, podemos comer outras muitas outras flores, algumas bem bonitas, coloridas e até saudáveis, que vão dar aquele toque refinado ao prato além de aguçar o paladar pela visão.

Algumas flores que são comestíveis a gente até tem nos jardins e nos vasos como os cravos, os lilases, as rosas e as dálias.

Também há aquelas flores de horta como as flores de abóbora, abobrinha, chuchu e muitas outras, de cujas plantas a gente aproveita sempre os frutos.

Outras são aquelas que, por não serem plantas alimentícias convencionais (PANC), a gente chama de mato que se come. Nesse rol temos uma enormidade de flores que, atualmente a gente não usa na cozinha por termos esquecido de que os antigos as usavam – nesta lista entram a rosas silvestres, algumas acácias, as flores de ipê, o dente-de-leão, o mal-me-quer e muitas outras.

Super dicas de consumo

Antes de darmos uma lista de flores comestíveis, é preciso considerar alguns cuidados a tomar.  

Lembramos que:

Toxicidade

Você só deve usar para comer as flores que conhece muito bem, que tem a certeza, absoluta, de que são inócuas. Porque a natureza tem flores parecidas e algumas podem ter algum tipo de toxicidade – veja na foto abaixo uma variedade de flores amarelas que podem ser confundidas com dente-de-leão ou o mal-me-quer, por exemplo:

De floricultura não

Não coma flores que vieram de floricultura, ou que foram cultivadas para vender como flores, ou que estão à beira de estradas ou mesmo de parques urbanos ou canteiros públicos.

Todas essas poderão estar contaminadas com agrotóxicos e metais pesados.

Claro que a poluição do ar também poderá contaminar as flores do campo, ou da sua casa mas, com certeza, o índice de contaminação será menor.

Atenção alérgicos

As flores, todas, são potencialmente alergênicas. Então, se você for suscetível a alergias (pólen, pigmentos, bichinhos) tenha bastante cuidado.

Lave bem

Só coma flores bem lavadas com água pura, para que tenham o mínimo de resíduos alheios. Lembre-se que as flores podem ter bichinhos no interior delas.

Também, há diferenças entre pétalas e miolo, tanto no gosto como na composição.

Enfim, só coma se tiver certeza.

Lista de 10 flores comestíveis

Agora que você já sabe que pode usar flores para enfeitar pratos além de comê-las, conheça algumas das quais você poderá encontrar facilmente por aí.

Flores de ipê

Do ipê podem ser comidas as flores brancas da Tabebuia roseoalba e as amarelas da Handroanthus chrysotichus. Também sei que se comem as flores da Tabebuia impetigosa, o ipê-roxo. Outros tipos de ipê não posdemos afirmar que se comam as flores. Porém, essas acima, brancas e amarelas, são consumidas cruas ou cozidas, em saladas, refogados, empanadas ou na farofa.

Acácia branca

Robinia pseudoacacia também é comestível e muito usada empanada. Essa flor já salvou muita família sem recursos, em dias de fome

Capuchinha

capuchinhaTropaeolum majus é uma PANC muito usada em saladas e outras receitas.

Dente-de-leão

dente-de-leãoTaraxacum officinalis, é conhecida como erva daninha mas de daninha não tem nada. Rica em nutrientes, ela é fonte de alimento para polinizadores e também para o homem. É usada tanto em saladas quanto em refogados, empanadas ou em geléias.

Lírio-do-brejo

lírio-do-brejo tem muitos benefícios. A planta, Hedychium coronarium, é uma PANC muito usada em saladas, mousses, geléias.

Violetas verdadeiras

(Viola sp) – geleias, refogados, saladas, pães, xarope, licor, sorvetes e cristalizadas quando frescas. Não confundir com a violeta-africana, por favor, que é outra planta.

 

Alfazema

Das flores da alfazema (lavanda) se fazem geleias e doces também podendo se comidas em refogados e cozidas, além de simplesmente enfeitarem pratos com sua cor maravilhosa.

Hibisco

Ou azedinha (Hibiscus sabdariffa) – há muitos tipos de hibiscos comestíveis mas, aqui vamos falar só do sabdariffa, com o qual se fazem bebidas, chás, licor, geleias e o famoso chá de hibisco.

Gardênia

(Gardenia jasminoides) e outros jasmins verdadeiros podem ser usadas em geleias, doces, refogados ou cristalizadas

Rosas

(Rosaceae) – todas as rosas são comestíveis mas, aqui falamos da Rosa búlgara, famosa por seu óleo essencial, base de perfumes e pela geleia que se faz de suas pétalas.

Mas, não se esqueça também das flores dos trevos, das azedinhas, das flores de manjericão, da rúcula, da cebolinha e tantas outras de que podemos nos beneficiar nas nossas hortas domésticas.



Fonte: Greenme - Daia Florios



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Frio: veterinários indicam cuidados com pets

Leia Mais