Notícias

Maior água-viva do mundo? Família fica intrigada ao encontrar animal peculiar

Compartilhe:     |  20 de setembro de 2018

Especialista declarou que o animal é uma rara e gigante água-viva, que não é venenosa para humanos mas pode causar pequenos hematomas na pele

Adam e Eve Dickinson, junto de seus dois filhos, estavam caminhando pela praia nesta segunda-feira (17) quando se depararam com algo muito incomum. Segundo informações do portal Daily Mail , os quatro ficaram chocados ao ver uma água-viva cabeluda, uma espécie muito rara de medusa, nas areias da praia Pakiri, na Nova Zelândia.

“As águas-vivas estavam por toda a parte, era incrível”, explicou Eve para a imprensa local. “Uma delas era gigante e realmente impressionante, nenhuma das outras era daquele jeito, ela se parecia com um vulcão”, disse sobre a água-viva , cujo nome científico é Cyanea capillata .

De início, eles não reconheceram a espécie e sequer pensaram que o animal estava vivo. “Paramos e, quando começamos a observar, percebemos que ela estava se movendo muito devagar”, lembrou a mulher. Seus filhos pegaram um graveto e tocaram na medusa, que dessa vez começou a mexer-se mais rápido.

Todos os quatro ficaram impressionados com a criatura, fotografaram-na e publicaram as imagens nas redes sociais, onde viralizaram e chegaram a especialistas em animais marinhos.

De acordo com Diana Macpherson, técnica em biologia marinha do Instituto Nacional de Água e Pesquisa Atmosférica, o animal realmente pertence à espécie Cyanea capillata . Ela é uma medusa gigante muito rara, que nos últimos anos foi vista nos arredores do estado australiano da Tasmânia.

Por mais que seu tamanho impressione, ela não é venenosa para humanos, mas seus tentáculos, usados para capturar presas, podem causar hematomas. “Elas possuem uma toxina em seus tentáculos, que podem te machucar se você chegar muito perto”, explicou a especialista. “Pessoas devem sempre tratá-las com precaução”.

Além da água-viva, outras criaturas peculiares

Essa criatura misteriosa chamou tanta atenção quanto a água-viva encontrada na praia da Nova Zelândia
Reprodução/Mirror

Essa criatura misteriosa chamou tanta atenção quanto a água-viva encontrada na praia da Nova Zelândia

Essa não foi a primeira vez que um  animal com a fisionomia diferente chamou a atenção de humanos. Flagrada pelo biólogo Adam Pomerantz, por exemplo, uma criatura misteriosa e intrigante teve suas imagens divulgadas no ano passado e levantou o questionamento: qual seria a natureza dela?

O mistério não durou muito. Isso porque o biólogo interativista Pomerantz – um estudante de PhD na Universidade de Berkeley, na Califórnia – explicou que, na realidade, tal estrutura se trata de um conjunto de pequenos insetos.

Avistados na cidade de Tabopata, no Peru, esses animais não costumam viver em tamanha união. Eles só se juntaram em um peculiar – e efetivo – método de defesa. Desta maneira, as larvas parecem ser muito maiores do que sozinhas em uma combinação que parece um único organismo. Além disso, os insetos começam a pulsar quando percebem alguma ameaça.

O biólogo, por exemplo, viu a formação ainda estática e, ao se aproximar, foi  tão surpreendido quanto a família que viu a água-viva . “Isso definitivamente me pegou de surpresa”, disse.



Fonte: Último Segundo - iG



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Receitas de Biscoitos Saudáveis para Cachorros

Leia Mais