Notícias

Mariposa-luna: a mais bonita das mariposas, alvo da cobiça dos homens

Compartilhe:     |  23 de janeiro de 2020

Ela é considerada a mais bela entre as mariposas. Pelo menos é assim que um artigo da Universidade da Flórida a descreve, dando como prova de sua popularidade o fato de que, nos Estados Unidos, sua imagem já estampou uma coleção especial de selos e a capa de um guia sobre sua espécie, além de ter inspirado personagens animados em um comercial de TV.

Até seu nome evoca beleza: a mariposa-luna (Actias Luna) é assim chamada por causa das formas circulares que adornam cada uma de suas asas. A coloração verde e a cauda alongada, feito o rabo de uma andorinha, fazem delas exemplares únicos.

Precisamente por isso, infelizmente, elas são alvos de cobiça dos colecionadores, que se aproveitam da sua natural atração pela luz para capturá-las nos ambientes urbanos.

Essa, aliás, é uma das causas que comprometem a preservação da sua espécie, cuja população, como as de todos os demais insetos, já vem sofrendo drásticas reduções devido ao uso excessivo de agrotóxicos e ao desmatamento.

Vida curta mas boa

O propósito de vida deste inseto é o acasalamento para a preservação da espécie.

Como explica o post abaixo, a mariposa-luna vive cerca de uma semana apenas, pois não possui um sistema digestivo. Por isso, ela precisa se alimentar na fase da lagarta. Os machos geralmente emergem dos casulos primeiro e ganham vantagem sobre as fêmeas.

Em condições normais, seu ciclo reprodutivo começa na primavera, quando se dá a desova das fêmeas em folhas de nogueira, que depois servem de alimento para as larvas recém-nascidas.

Quando atingem cerca de 8 cm de comprimento, elas constroem seu casulo, que cai no chão no outono e assim atravessa o inverno, até que, junto com a primavera, uma mariposa ganha os céus.

Como explicam os pesquisadores da Universidade da Flórida, o cheiro das fêmeas é capaz de atrair os machos a distâncias consideráveis. Quando se dá o encontro, a natureza cumpre seu papel: e aí começa tudo outra vez. Isso, claro, se o homem não interferir no processo.

Apaixone-se por mais essa maravilha que a Mãe Natureza criou, assistindo ao vídeo abaixo:



Fonte: Greenme - Gisele Maia



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Não há evidências de que o coronavírus possa infectar gatos

Leia Mais