Notícias

Médicos ensinam a evitar maus hábitos que podem levar a infecções graves no uso de lentes de contato

Compartilhe:     |  2 de março de 2015

Cerca de 2,5 milhões de brasileiros usam lentes de contato. A maioria abandonou os óculos pensando não apenas na estética, mas também na praticidade. O que muitos esquecem é que, assim como os óculos, as lentes precisam de cuidados especiais de higienização e conservação.

Um estudo feito por pesquisadores da Universidade de New South Wales, em Sidney, Austrália, analisou a rotina de 119 usuários de lentes para correção visual e concluiu que 66% dos recipientes usados para armazenar o produto estavam altamente contaminados por fungos e bactérias. Depois de alguns ajustes, perceberam que o problema estava relacionado basicamente a três hábitos equivocados: não lavar as mãos antes de pegar a lente de contato; não secar bem a caixinha ao lavá-la; e usar soluções de limpeza de fabricantes que não eram o da lente de contato.

— Negligenciar as práticas de higiene pode provocar úlcera de córnea e conjuntivite alérgica. Os principais sintomas dessas doenças são dor durante ou depois de tirar as lentes de contato, lacrimejamento, secreção, visão borrada, olho vermelho, desconforto e aversão à luz — ressalta a oftalmologista Rachel Gomes, do Hospital de Olhos Paulista.

Outro erro é reaproveitar a solução de limpeza.

— Fazer isso é como mergulhar as lentes numa banheira de bactérias antes de colocar nos olhos novamente. Basta um arranhão microscópico na córnea para essas bactérias promoverem uma infecção que pode resultar até mesmo na perda da visão — alerta o cirurgião-oftalmologista Renato Neves, diretor-presidente do Eye Care Hospital de Olhos, em São Paulo.

Antes da maquiagem

Para as mulheres, os cuidados no uso das lentes devem se estender até no momento da maquiagem.

— Um dos erros mais comuns entre as mulheres é fazer toda a maquiagem e, por fim, colocar as lentes de contato. Esse equívoco na ordem certa de fazer as coisas pode causar prejuízos à visão. Para evitar que as lentes sejam contaminadas, é importante que elas sejam colocadas antes da maquiagem e retiradas antes da remoção dos produtos de beleza — diz Renato Neves.

Chefe do Setor de Catarata do Departamento de Oftalmologia da Santa Casa de São Paulo, o médico Richard Yudi Hida recomenda que a lente seja colocada de cinco a dez minutos antes da maquiagem:

— Isso diminui o risco de a maquiagem ficar entre a lente de contato e a córnea.

Outro detalhe importante: quem faz uso de lentes não deve usar maquiagem à prova d’água.

— Em caso de contato, a limpeza das lentes será bastante dificultada ou impossibilitada — alerta Neves.



Fonte: Extra



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Doação de sangue em animais: como funciona e os requisitos para um animal ser doador

Leia Mais