Notícias

Mesmo poluída, comitê garante Guanabara na Olimpíada de 2016

Compartilhe:     |  8 de agosto de 2014

A poluição da Baía de Guanabara já levantou muitas suspeitas em atletas que disputarão as provas de vela na Olimpíada de 2016, no Rio de Janeiro. No entanto, o diretor de Esportes do Comitê brasileiro, Rodrigo Garcia, garantiu que as competições serão realizadas no local e que a sujeira não será um problema.

O anúncio de Garcia foi feito no início desta semana, ao mesmo tempo em que a cidade recebe o Aquece Rio, evento-teste para as provas olímpicas de vela. De acordo com reportagem da Agência Brasil, a situação da Baía foi criticada por atletas que participam da disputa e temem que os resíduos presentes na água danifiquem as embarcações.

Até mesmo as brasileiras Renata Decnop e Isabel Swan comentaram o fato de que existe muito lixo flutuante na Guanabara, principalmente sacolas plásticas. Mesmo assim, a dupla acredita que a situação da água deve melhorar nos próximos dois anos.

“O trabalho [de limpeza e tratamento de esgoto] está sendo feito e a gente tem esperança de que até as Olimpíadas vai estar bem melhor. Ainda tem que melhorar, mas a gente está vendo que tem resultado”, disse Renata.

Críticas internacionais

Pouco antes da Copa, a Baía de Guanabara foi o alvo de reportagens especiais em diversos veículos internacionais. A Bloomberg, por exemplo, repercutiu uma declaração do atual prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, dizendo que a despoluição não acontecerá até os Jogos Olímpicos de 2016: “Desculpe por não usarmos os jogos para limpar totalmente a Baía de Guanabara. Isso não era para a olimpíada, isso era por nós”.

Mesmo assim, o texto foi finalizado com uma promessa de sucesso, por parte do prefeito carioca: “Nós realmente acreditamos que estamos em tempo e que vamos realizar grandes jogos. Nós não vamos deixar qualquer elefante branco”, garantiu.

Veja mais detalhes aqui.



Fonte: Redação CicloVivo



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Educação canina para iniciantes: 5 dicas

Leia Mais