Notícias

Navio do século 19 é encontrado por acaso no Golfo do México

Compartilhe:     |  31 de maio de 2019

A equipe da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional dos Estados Unidos  (NOAA) encontrou por um golpe de sorte uma embarcação naufragada do século 19. A descoberta foi realizada durante procedimentos de rotina para testar equipamentos, no Golfo do México, região marítima que banha os Estados Unidos, México e Cuba.

ROV Deep Discoverer approaching the bow of the shipwreck. (Foto: NOAA)

Após a surpresa, os especialistas responsáveis resolveram transmitir o mergulho exploratório ao vivo pela internet, o que possibilitou que outros cientistas ao redor do mundo acompanhassem a expedição e fizessem especulações sobre o barco. O navio mede cerca de 37,8 metros de comprimento e é feito de madeira com revestimento de cobre — o que ajudou a reter parte da integridade da embarcação.

Embora não saibam quando afundou, os especialistas puderam caracterizar o período no qual a embarcação foi construída com base na proa do navio, no corpo do casco e nos restos do molinete (utilizado para içar cabos). Nenhum artefato foi encontrado na região e não restou nenhuma parte da estrutura que ficaria para fora da água durante as navegações.

The numbers “2109” are visible along the trailing edge of the rudder. The pattern of nails securing the copper sheathing is plainly visible. (Foto: NOAA)

Parte da madeira aparenta estar carbonizada, o que levou os pesquisadores a acreditarem que o navio possivelmente pegou fogo e foi quase totalmente destruído antes de afundar. Isso explicaria porque não há pertences pessoais ou artefatos do convés ao seu redor.

A close-up view of the bow. Marine life is prevalent on the wreck except on the copper sheathing which still retains its antifouling ability to keep the hull free of marine organism like Teredo navalis (shipworm) that would otherwise burrow into the wood  (Foto: NOAA)


Fonte: Galileu



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Cadela cega explorada para reprodução é salva e se torna amiga de menino com deficiência

Leia Mais