Notícias

Nutricionista ensina a fazer brownie funcional que faz bem ao coração

Compartilhe:     |  10 de fevereiro de 2020

Receitas com poderes benéficos à saúde podem, sim, ser gostosas e muito prazerosas! Até aquele docinho pós-almoço tem lá seu valor. A nuticionista Jamile Tahim ensinou à Catraca Livre um brownie com propriedades que ajudam a proteger o coração e a prevenir doenças cardiovasculares.

“Essa é a ideia das receitas funcionais”, explica Jamile. “Utilizar alimentos naturais com propriedades nutricionais importantes à saúde humana, como exemplo, os que são capazes de exercer um efeito preventivo de doenças crônicas, como a diabetes e até tipos de câncer”, afirma.

Confira abaixo os ingredientes e modo de preparo:

Brownie funcional cardioprotetor

Ingredientes

Modo de preparo

1. Primeiro, cozinhe as batatas ao vapor para preservar seu alto teor de fibras, a dica é higienizar e depois cortá-las em pedaços e ainda com a casca para acelerar o cozimento;

2. Depois despeje as batatas cozidas com a casca, os ovos, a manteiga, a aveia e o mel no liquidificador até que forme uma massa homogênea;

3. Em seguida, passe a massa para um recipiente e incorpore o cacau delicadamente;

brownie de batata doce

Crédito: Jamile TahimPreparo da massa do brownie

4. Por fim, acrescente um punhado de oleaginosas trituradas;

5. Leve ao forno pré aquecido a 180ºC por cerca de 15 minutos, retire o brownie ainda molhadinho. Após esfriar ele irá secar um pouco mais, mas ainda vai manter uma textura macia e úmida.

A ideia da receita funcional é utilizar alimentos naturais e que possuam propriedades nutricionais importantes à saúde humana, por exemplo, os que são capazes de exercer um efeito preventivo de doenças crônicas, como a diabetes e até tipos de câncer.

Abaixo, a nutricionista explica sobre as propriedades presentes nos ingredientes da receita:

– Batata doce: é uma hortaliça rica em amido, de alto valor energético, está relacionada com o efeito imunomodulador (que atua no sistema imunológico), por ser rica em vitamina A e C, além de cálcio, potássio e magnésio. Também possui alta quantidade de fibras por porção, estimulando a saciedade e o bom funcionamento intestinal.

– Cacau: os polifenóis, taninos e flavonoides, presentes no cacau estimulam o aumento da capacidade antioxidante do nosso organismo e podem atuar como inibidoras em um processo inflamatório. Também exercem atividade cardioprotetora de prevenir agregação de plaquetas, assim reduzem o risco de formação de coágulos e favorecem a saúde cardiovascular.

– Aveia: possui fibras insolúveis e fibras solúveis. Auxilia no bom funcionamento do intestino, ajudando na remoção de toxinas e prevenindo o câncer de cólon. Estimula a saciedade através do retardo do esvaziamento gástrico. As beta-glucanas presentes no farelo de aveia possuem a capacidade de controlar os níveis de colesterol e LDL circulantes, prevenindo doenças cardiovasculares. Além disso, melhora a resposta glicêmica após o consumo de carboidratos, ajudam na modulação do índice glicêmico, ou seja, reduz a velocidade da absorção de carboidratos no intestino, retardando a chegada da glicose à nossa corrente sanguínea e prevenindo picos de glicemia.

– Oleaginosas: ricas em ácidos graxos mono e poli-insaturados, auxiliam na atividade antioxidante prevenindo a peroxidação lipídica e a formação de LDL oxidada e dessa maneira ajudam no controle do perfil lipídico e atividade cardioprotetora. Além disso, possuem fibras e proteínas que contribuem para a sensação de saciedade.



Fonte: Catraca Livre



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

PETA quer banir o uso do termo “animal de estimação” por ser depreciativo para os animais

Leia Mais