Ecologia e Saúde

O melhor amigo do homem: porcos podem ser ótimos animais de estimação, revela pesquisa

Compartilhe:     |  8 de agosto de 2020
Na convivência entre cães e seres humanos, desenvolveu-se uma forma de comunicação profunda através de gestos, olhares e sons. Agora, uma pesquisa recente, quis saber se pode ocorrer esse tipo de interação entre porcos e pessoas.

Para tal fim, pesquisadores da Universidade Eotvos Lorand, em Budapeste, resolveram comparar e levantar diferenças e semelhanças entre cães e porcos, até porque, uns a gente ama e outros a gente confina e maltrata para comer.

O estudo intitulado Family Pig Project consistiu em observar porcos, desde filhotes, em condições semelhantes às dos pets caninos, criados em residências, para assim obter dados de comparação entre estas espécies.

“Os cães, já filhotes, são conhecidos por serem excepcionalmente hábeis em se comunicar conosco, mesmo sem nenhum treinamento específico. Ficamos curiosos se os porcos de estimação também exibem sinais comunicativos semelhantes aos cães e se eles espontaneamente dependem de sinais humanos,” diz Linda Gerencser, principal autora do estudo.

As semelhanças que encontramos entre as duas espécies (canina e suína) apontam para suas capacidades semelhantes de se envolver em interações comunicativas com seres humanos,” explica Paula Perez Fraga uma das pesquisadoras desse estudo.

Distinção entre porcos e cães

Durante o estudo, os animais envolvidos foram observados em como se comportavam diante de variadas situações acompanhados por humanos.

Uma diferença detectada, em uma das fases da pesquisa, foi quando os animais foram direcionados a escolher entre dois esconderijos, sendo que o acompanhante humano apontava qual tinha comida. O resultado foi que apenas os cães seguiram a indicação do humano. Os porcos não.

Ao longo do estudo também foi utilizada a estratégia denominada de ‘paradigma da tarefa insolúvel’ que consistiu em colocar um desafio, no caso, uma caixa com comida dentro e difícil de abrir, para verificar as reações dos animais.

Cada animal teve uma resposta distinta diante desse desafio pois, os porcos se mostraram mais incisivos e independentes na busca de resolver o problema. Em contrapartida, os cães reagiram se voltando para os humanos.

Linda Gerencser salientou que o resultado da comparação da interação de porcos e cães com os humanos, dependem de efeitos ambientais e do aprendizado pela experiência e, por isso, ainda precisa de mais investigações. Ela ainda ressalta:

“Acreditamos que a principal diferença entre porcos e cães reside no fato de que a importância natural do ser humano como estímulo social para cães pode facilitar o aprendizado sobre sinais comunicativos, mesmo sem treinamento específico.”

O estudo em questão foi publicado na revista Animal Cognition.

Porcos como animais de estimação

Os porcos, apesar de sua natureza distinta, têm várias semelhanças com os cães no que concerne à convivência com os humanos. São notáveis por sua inteligência e, ao contrário do que se pensa, também pela limpeza. Tudo depende de como são criados.

Eles podem viver até 20 anos e quando criados como animais de estimação podem facilmente se tornar companheiros amorosos e se dar bem com outros animais.

Como exemplo de porcos que vivem como animais de estimação temos uma porquinha muito famosa, a Esther the Wonder Pig. Inclusive, ela tem milhares de seguidores nas mídias sociais. Veja a foto dela:

O estudo talvez nos ajude a rever nossos hábitos alimentares. Por que alguns animais a gente come, enquanto outros a gente idolatra, trata como filho, com direito à viagens, spas e outros mimos?

Várias celebridades como Miley Cyrus, David Beckham, Paris Hilton e George Clooney popularizaram os porcos como animais de estimação. De fato, tudo isso vem para mostrar que porcos são animais adoráveis e podem sim ser amados e criados com  humanos, e não para serem comida.



Fonte: GreenMe - Deise Aur



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Gatos: dicas de cientistas para cuidar bem do seu pet

Leia Mais