Notícias

ONG paraibana concorre a edital da Ambev e fica entre as 52 selecionadas

Compartilhe:     |  6 de maio de 2019

A Aliança Bayeux Franco Brasileira (ABFB) concorreu a um edital da Ambev, para participar do programa VOA, com 334 entidades do Brasil todo e ficou entre as 52 selecionadas.

Segundo informa a diretora presidente da Aliança Bayeux Franco Brasileira, Célia Domiciano, a ONG oferece programas de qualificação socioprofissional para jovens e adultos, curso preparatório para o Enem de abril a novembro; oficinas de judô, jiu-jitsu, karatê, música, teatro, dança, além de curso dos idiomas francês e inglês.

“A sede da entidade fica na rua José Rodrigues de Moura, Centro, na cidade de Bayeux, onde atendemos, em 2018, um total de 1.169 crianças e adolescentes”, revela Célia Domiciano.

O primeiro encontro presencial da Formação do Programa VOA para o Terceiro Setor, dentre mais três encontros que ocorrerão até novembro deste ano, aconteceu na semana passada em São Paulo, na Cervejaria Ambev, no Itaim Bibi.

No primeiro encontro as instituições do Brasil receberam a palestra do diretor executivo da AMBEV, Bernardo Pinto Paiva e do medalhista olímpico Flávio Canto, fundador do Instituto Reação e Maria do Pró-Saber (beneficiada no ano de 2018).

Célia Domiciano explica que as instituições terão oportunidade de, ao final da formação, apresentar um projeto e concorrer com as demais. “Caso a entidade seja vencedora ganhará financiamento da Ambev. O mais importante foi termos conseguido chegar até aqui e agora beber do conhecimento de gestão da Ambev, que nos assistirá e nos acompanhará até novembro com dois mentores, o tempo todo nos orientando como melhorar nossa gestão, a fim de nos tornarmos uma gestão de excelência nesta área. O prêmio será consequência do nosso trabalho de evolução, aprendizagem e implementação dos conhecimentos adquiridos”, enfatiza.

A ABFB foi representada, além de Célia Domiciano, por Jenete Fernandes, vice-diretora, e Gilcilene Araújo, assistente administrativo do Núcleo de Projetos. “Concorremos com 334 entidades de todo o Brasil e fomos relacionadas”, comemora a diretora presidente da Aliança Bayeux Franco Brasileira.



Fonte: Espaço Ecológico



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Cadela cega explorada para reprodução é salva e se torna amiga de menino com deficiência

Leia Mais