Notícias

Pallets substituem móveis na decoração e ajudam a economizar

Compartilhe:     |  17 de abril de 2021

Mobiliar uma casa ou apartamento costuma custar caro, por isso, é importante ser criativo se a intenção dos moradores é economizar na decoração. Para quem não faz questão dos móveis tradicionais, optar pelos pallets — nome dado aos estrados de madeira — pode ser uma boa opção.

O preço baixo é o principal atrativo dessas peças, que custam em média entre R$ 50 e R$ 100, cada estrado de 100×80. Para montar uma mesa de centro, por exemplo, é necessário apenas um pallet, que pode ser usado sozinho ou ter um tampo de vidro ou madeira, para um acabamento mais completo.

— Não há limites para a criação dos móveis. Podem ser feitos sofás, bancos, mesas, painés de TV e jardim vertical, camas… Para móveis com estofados, se os moradores não possuem habilidade com costura, podem ser comprados itens prontos, como almofadas, futtons, colchonete ou encomendados sob medida de tapeçarias — explica a arquiteta Liz Marina Moreira, do Estúdio Casa70.

Segundo Liz, em todos os casos o pallet costuma sair mais barato do que um móvel convencional. No entanto, a economia pode variar de acordo com o uso definido para o estrado e o gasto com demais elementos para produzir a peça, como tinta e os tecidos.

Além disso, é importante ter em mente que nem todos os estilos podem combinar com o uso desses estrados, como ressalta a arquiteta Luana Paulichen, da Paulichen Arquitetura:

— Eles conversam melhor com decorações mais despojadas ou rústicas, dependendo do estado das peças e da identidade que o morador quiser dar ao espaço. Na primeira situação, podem ser usadas cores mais vivas na composição, pra dar um ar mais jovial. No segundo caso, as peças podem interagir com outros elementos de madeira ou ferro, compondo com tons de bege, marrom ou verde musgo.

Os pallets podem ser usados tanto na parte interna, quanto na área externa na casa. Se a intenção for usar o estrado ao ar livre, é importante ter alguns cuidados com a madeira, verniz, tinta ou resina impermeabilizante, para evitar que o material apodreça com a exposição à chuva e ao sol. No caso do estofado, o ideal é utilizar tecidos resistentes à água, como a lona.

Para quem se interessou, é possível encontrar os pallets em lojas de material de construção ou lojas especializadas em madeiras.

— Há quem prefira as peças usadas, que são fruto de garimpo em feiras ou fábricas, um pouco mais difíceis de conseguir — afirma Liz.



Fonte: Extra - Stephanie Tondo



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Dente-de-leão: uma planta benéfica também para saúde dos cães

Leia Mais