Notícias

Para reduzir poluição, China lança incentivo a carros elétricos

Compartilhe:     |  16 de julho de 2014

A China tem apostado nos veículos elétricos para reduzir suas emissões de gases de efeito estufa. Um comunicado divulgado pelo governo chinês, no último domingo (13), determina que, ao menos, 30% da frota de órgão públicos seja composta por carros elétricos até 2016.

O interesse na mudança se estende também à população. Para isso, a China deverá intensificar o apoio aos veículos elétricos, reduzindo a quantidade de impostos aplicados sobre os automóveis elétricos, híbridos e movidos a células de hidrogênio.

A iniciativa, principalmente o incentivo fiscal, foi bem aceita por críticos locais. “As compras do governo não estão crescendo tão rápido quanto o consumo privado. Então, contar somente com isso seria um desafio”, explicou o analista Yang Song no Barclays PIc, conforme noticiado pela Bloomberg.

Além de serem obrigadas a atingir a quota, as instituições públicas chinesas também deverão aumentar as vagas destinadas aos veículos elétricos e instalar centrais para o carregamento destes tipos de automóveis. Caso as medidas não sejam cumpridas, os órgãos podem receber multas, conforme informado no comunicado.

Os altos níveis de poluição atmosférica preocupam os chineses, principalmente aqueles que vivem em Pequim. A capital constantemente atinge níveis perigosos de poluentes no ar.



Fonte: Mercado Ético



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Cadela cega explorada para reprodução é salva e se torna amiga de menino com deficiência

Leia Mais