Notícias

Parque Ecológico realiza campanha para reciclar esponjas de cozinha

Compartilhe:     |  14 de setembro de 2014

O Parque Ecológico de São Carlos (SP) iniciou na última terça-feira (9) uma campanha para reciclagem de esponjas de cozinha. A medida é para evitar que o material, que possui plástico e leva vários anos para se decompor, seja descartado no lixo. Os pontos de coleta são as escolas municipais. As buchas serão enviadas para uma empresa especializada na reciclagem desses produtos. A ação vai até 30 de setembro.

Em um restaurante da cidade, 15 esponjas de espuma com dupla face são usadas por semana. “Não é só para louça que as usamos. Elas são utilizadas também para todo tipo de limpeza do restaurante, por isso gastamos muito. Após o uso, descartamos no lixo”, contou a cozinheira Rosa Rocha da Silva.

O destino é o mais comum, só que não é o mais correto. Quando vai para o aterro sanitário, a esponja demora vários anos para se deteriorar e, se for incinerada, libera gás carbônico, que provoca o efeito estufa.

Segundo o educador ambiental Pérsio Ronaldo dos Santos, muita gente não sabe, mas dá para preservar a natureza com a reciclagem da esponja. “Pedimos que as buchas usadas pelas mães dos alunos sejam secas e enviadas para as escolas. A esponja pode se transformar em coletor de lixo e banco de plástico, por exemplo, com isso, deixa de ser problema para o meio ambiente”, explicou.

Na cozinha de uma escola do município o consumo também é grande. “São usadas quatro buchas por mês, porque é bastante louça para lavar, mais de 400 alunos, sem contar os adultos”, disse a merendeira Neusa Moreira da Silva.

Segundo ela, após orientação que recebeu do Parque Ecológico, as esponjas não vão mais para o lixo. “A partir de hoje vamos descartar de forma diferente, porque recebemos instrução. Temos que conservar a natureza”, ressaltou.

Pontos de coleta
Os pontos de coleta das esponjas velhas são as escolas municipais. Para saber onde fica uma escola perto de onde mora, basta ligar na Secretaria de Educação de São Carlos pelo telefone (16) 3373-3222 ou ir até a unidade, que fica na Rua Conde do Pinhal, 2.017, no Centro e também aceita os materiais.



Fonte: G1 São Carlos e Araraquara



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Estresse passa do dono para o cachorro

Leia Mais