Notícias

Pesquisa sugere ligação entre macarrão instantâneo e problemas cardíacos

Compartilhe:     |  24 de agosto de 2014

O macarrão instantâneo figura na dieta de muita gente, principalmente os mais jovens. Rápido e barato, é difícil encontrar uma casa que não tenha ao menos um pacotinho na despensa para “casos de emergência”. Mas uma nova pesquisa sugere que as vantagens terminam por aí: um estudo feito na Coreia do Sul sugere uma ligação entre o consumo do alimento e problemas cardíacos.

Pesquisadores notaram que mulheres que consomem macarrão isntantâneo ao menos duas vezes por semana tem 68% mais chances de desenvolverem síndrome metabólica: um conjunto de problemas que inclui obesidade abdominal, pressão alta, colesterol e níveis de açúcar no sangue também altos. Todos esses fatores podem culminar em problemas cardíacos e em diabetes.

O estudo, publicado no The Journal of Nutrition, não notou o mesmo efeito em homens. Uma das hipóteses para isso, apontada por um dos autores do estudo, Frank B. Hu, de Harvard, sugere que as mulheres podem descrever suas dietas com mais precisão. Além disso, mulheres que tenham passado da menopausa seriam mais sensíveis aos efeitos dos carboidratos, do sódio e da gordura saturada do alimento.

De acordo com Hu, comer macarrão instantâneo “uma ou duas vezes por mês” não parece causar problemas. Mas quando a dieta inclui o alimento mais de uma vez por semana, os hábitos alimentares precisam ser revistos.



Fonte: Revista Galileu



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

5 coisas horríveis que você não sabia que aranhas podem fazer com você

Leia Mais