Notícias

Plataforma oceânica flutuante capta energia eólica, solar e das ondas do mar

Compartilhe:     |  2 de junho de 2020

A empresa alemã Sinn Power projetou uma plataforma híbrida para geração de energia offshore que combina turbinas eólicas, painéis solares e coletores da energia das ondas. A ideia é que a plataforma flutuante possa gerar eletricidade fora da rede para pessoas que moram perto da costa.

A unidade de 12 por 12 metros é equipada com quatro turbinas eólicas, uma em cada um de seus cantos. Em condições ideais, essas turbinas podem gerar até 24 kW. Além disso, é possível colocar turbinas eólicas de 6 kWp em cada ponto de junção e cobrir toda a superfície superior com painéis solares, o que poderia contribuir com um total de 20 kW para a produção final da unidade. O modelo também permite que se acoplem várias unidades para aumentar a produção de energia.

A durabilidade é a maior questão que o equipamento levanta. O mar pode ser um parceiro comercial selvagem: poderoso, imprevisível e altamente corrosivo. A Sinn Power diz que usa “materiais resistentes à água salgada” e componentes resistentes à água, mas existe o questionamento a respeito de por quanto tempo essas plataformas serão capazes de funcionar. Se o equipamento durar apenas cinco ou dez anos, talvez essa não seja uma opção tão sustentável.

A empresa existe há cinco anos e possui alguns protótipos similares em funcionamento, embora presos a paredes de concreto e não flutuando. O vídeo abaixo mostra o funcionamento desses módulos:

 



Fonte: Equipe Ecycle - New Atlas



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Gatos: dicas de cientistas para cuidar bem do seu pet

Leia Mais