Notícias

Pressão arterial deve ser medida antes das refeições e de remédios

Compartilhe:     |  30 de junho de 2015

A pressão alta é uma doença silenciosa que dificilmente dá algum sintoma. É comum o paciente achar que está bem, mesmo quando a pressão está lá em cima. E é ai que mora o perigo. De acordo com a Sociedade Brasileira de Hipertensão, mais da metade dos idosos tem pressão alta, 30% da população em geral e 5% das crianças. E é sobre essa doença que o Bem Estar falou nesta terça-feira (30). Participaram do programa o nosso consultor e cardiologista Roberto Kalil e o nefrologista Décio Mion.

A hipertensão ou pressão alta é um problema crônico em que o sangue é bombeado com muita força, o que mantém a pressão das artérias elevadas e, em longo prazo, pode machuca-las tanto a ponto de entupi-las ou rompê-las, explica o nefrologista.

É muito importante medir a pressão em casa, mas é preciso escolher o aparelho correto. Você pode optar entre aquele que faz a medição no pulso e o que faz no braço. De acordo com o Décio Mion, os aparelhos automáticos são melhores.

O aparelho precisa ter a certificação do Inmetro ou de outro órgão que ateste aparelhos. Não importa se você está sentado ou deitado, o braço deve estar sempre na altura do coração. E quando medir? Sempre quando você estiver calmo e antes dos remédios e das refeições.

A Sociedade Brasileira de Hipertensão tem uma tabela que classifica a pressão. Se ela estiver menor ou igual a 12 por 8, sua pressão está ótima; de 12 por 8 a 14 por 9, aumenta o risco de se tornar hipertenso e você deve reforçar os hábitos saudáveis, sem sal, com mais atividade física e menos estresse; se a medição der 14 por 9 ou mais é hora de procurar um médico.



Fonte: Bem Estar



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Lei que proíbe piercings e tatuagens em animais é sancionada no Distrito Federal

Leia Mais