Notícias

Produtores utilizam água de esgoto para irrigar plantações de hortaliças na Paraíba

Compartilhe:     |  10 de agosto de 2014

Por Lucilene Meireles e Daniel Motta

Esgoto está sendo desviado por produtores dos municípios de Campina Grande e Lagoa Seca, no Agreste paraibano, para irrigar lavouras. Lagoa Seca é o maior produtor de hortaliças da região e responde sozinho por quase 80% da produção vendida em feiras livres e supermercados de Campina Grande. Parte dessa produção também chega a João Pessoa distribuída pela Empasa. A denúncia deve ser apurada pelo Ministério Público.

A prática tem sido adotada até por grandes produtores, que abastecem carros-pipa em canais de esgoto para irrigar suas hortas. A reportagem foi a Lagoa Seca e constatou que há plantação a menos de 20 metros de um açude que recebe o esgoto da cidade e essa água irriga alface, tomate, cebola, chuchu e outras verduras que chegam às mesas dos paraibanos como alimentos saudáveis.

Segundo o diretor de Meio Ambiente e presidente do Conselho de Desenvolvimento Rural Sustentável de Lagoa Seca, Noaldo Andrade, o problema não se restringe apenas aos pequenos produtores rurais. Segundo ele, alguns dos maiores cultivadores de hortaliças no município utilizam o esgoto que corre a céu aberto e se concentra em um poço, na periferia da cidade. O próprio diretor flagrou um produtor retirando esgoto com um carro-pipa para irrigar sua horta.

“Acontece que em 2011, as fortes chuvas levaram 32 açudes que ficavam em propriedades rurais de Lagoa Seca. Os produtores usavam água desses pequenos reservatórios para irrigar suas plantações e com os rompimentos, eles passaram a buscar condições hídricas em áreas ao redor da cidade e desde então, utilizam as águas sujas que correm para irrigar seus plantios”, disse Noaldo.



Fonte: Jornal Correio da Paraíba



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Como restaurar o equilíbrio intestinal de cães e gatos

Leia Mais