Projetos Ambientais

Projeto recicla tampas de plástico para castração de animais em SC

Compartilhe:     |  10 de agosto de 2018

O objetivo do projeto é diminuir, através da castração, o número de animais abandonados.

Começou com a motivação pessoal de Rachel Pereira Garcia e hoje a Companhia Melhoramentos da Capital (Comcap), concessionária de serviços de coleta de resíduos sólidos e limpeza pública, é uma das mais ativas participantes do projeto de reciclagem de tampas de plástico para castração de animais em situação de rua em Florianópolis, São José, Biguaçu e Palhoça, no estado de Santa Catarina.

(Foto: Divulgação | PMF)

A administradora Rachel que, depois de muitos anos no setor de licitação hoje trabalha no Departamento de Planejamento da Comcap, desde o início contou com apoio de Nilsa Dalmyra Bittencourt Pereira e Maria da Silva Augusto para receber as tampinhas na recepção. Depois as encaminhava para o posto de recebimento do projeto Tamar.

Agora, a Comcap, além da sede no Estreito (Rua 14 de Julho, 375), instalou mais dois pontos de entrega de tampinhas no Jardim Botânico de Florianópolis e no Centro de Valorização de Resíduos (CVR).

“É uma ação simples que ajuda evitar a multiplicação do abandono de animais na rua, dormindo ao relento e passando privação”, recomenda Rachel. “Me sinto bem ajudando esse tipo de projeto”, conta Maria Augusto.

De acordo com os triadores da Associação de Coletores de Materiais Recicláveis (ACMR), as tampinhas praticamente não fazem falta no processo de reciclagem das garrafas e acabam agregando valor diferenciado nesse tipo de iniciativa.

Por isso, a Comcap recomenda que, além de separar garrafas pet para a coleta seletiva, que as tampinhas sejam encaminhadas para campanhas como a da Ecopet.



Fonte: Anda - OCP News



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Lei que proíbe piercings e tatuagens em animais é sancionada no Distrito Federal

Leia Mais