Notícias

Pulmões de quem tem Covid-19 ficam piores que de fumantes

Compartilhe:     |  16 de janeiro de 2021

Exames de raio-X dos pulmões de pacientes recuperados da Covid-19 mostraram danos muito piores do que os de pessoas que fumaram por anos.

Exames de raio-X dos pulmões de pacientes recuperados da Covid-19 mostraram danos muito piores do que os de pessoas que fumaram por anos. Veja as imagens:

O raio-X de pulmões saudáveis ​​mostrou grandes quantidades de espaços pretos, o que significa que a pessoa pode respirar normalmente e inalar grandes quantidades de ar.

A nebulosidade que apareceu na radiografia de um fumante indica danos nas paredes e bolsas de ar dos pulmões, além de alguma inflamação. Mas, em contraste, a brancura do raio-X dos pulmões da pessoa com Covid-19 mostra evidências do que é conhecido como opacidades pulmonares.

Isso geralmente indica que os pulmões estão cheios de coisas como fluido, bactérias ou células do sistema imunológico, que podem limitar a quantidade de oxigênio que um paciente pode ingerir.

Cicatrizes intensas

Segundo a especialista, os pulmões de pessoas com coronavírus podem ser quase completamente brancos, o que significa que houve cicatrizes intensas e a falta de ar afetou os órgãos. Em contraste, os pulmões dos fumantes mostraram menos danos, mesmo entre aqueles que fumaram por anos, acrescentou Kendall, em entrevista à emissora de televisão CBS DFW.

Os pulmões afetados pelo novo coronavírus podem “entrar em colapso”, segundo ela, e “coagular”. A falta de ar pode persistir indefinidamente.

A especialista ressalta que, embora os médicos tenham se concentrado primeiramente em manter as pessoas vivas, os efeitos da doença a longo prazo não são bem compreendidos e precisam ser tratados com mais atenção. “Todo mundo está tão preocupado com a questão da mortalidade, mas haverá também um grande problema sobre os que sobreviveram.”

De acordo com a especialista, todos os pacientes com sintomas da doença fizeram as radiografias, que mostraram a presença das “cicatrizes”, mesmo entre as pessoas assintomáticas.

“Ainda há pessoas que dizem:’ Estou bem, não tenho problemas ‘. E você puxa a radiografia de tórax e eles absolutamente têm uma radiografia de tórax ruim”, disse ela.

Busque ajuda

A médica também explicou que mesmo que o paciente não sinta imediatamente nenhum problema de saúde, o fato de mostrar lesões nos pulmões é um forte indicativo de que a pessoa possivelmente terá problemas mais tarde.

“Ainda não está claro se a cicatriz nos pulmões vai se recuperar entre as pessoas que tiveram Covid-19. Qualquer pessoa que sofra de falta de ar após se recuperar da doença deve entrar em contato com o médico”, alertou.



Fonte: Metrópoles - JACQUELINE SARAIVA



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Alimentação natural para cães: dicas e cuidados

Leia Mais