Notícias

Quase todo mundo já teve um peixe betta na vida, mas você sabe mesmo cuidar dele?

Compartilhe:     |  5 de outubro de 2020

Betta splendens é o nome científico do peixe Betta, este peixinho de escamas de cores vibrantes e grandes barbatanas. Há mais de 60 espécies de Betta e eles encantam de crianças a adultos fãs de aquarismo.

Mas você sabe como cuidar de um peixe Betta em casa? Para esclarecer o que é verdade ou mito sobre esse bichinhos, o biólogo responsável pelo treinamento do setor de aquarismo da Cobasi, Tiago Calil, vai te ajudar.

Os Bettas são fáceis de cuidar?

Verdade: O biólogo explica que é relativamente fácil cuidar de um peixe dessa espécie. “O Betta possui como característica o labirinto, órgão que possibilita o animal capturar oxigênio atmosférico na superfície da água. Essa forma específica de respiração fez com que o animal se popularizasse mundialmente, sendo criado através das beteiras (pequenos aquários sem equipamentos)”, comenta Calil.

Mas as beteiras são os melhores locais para criar o peixe Betta?

Mito: durante anos, os pequenos aquários sem equipamento usados para manter o Betta, as famosas beteiras, eram consideradas ideais para os peixinhos, mas esse não é o ambiente ideal.

“No meu ponto de vista, as beteiras estão ultrapassadas. É nítido que a espécie ganha qualidade de vida quando disponibilizamos espaço para natação e enriquecimento ambiental”, fala o biolólogo.

Portanto, vale investir em um aquário adequado e com alguns equipamentos. “O aquário precisa estar equipado com um filtro, munido de termostato e iluminação. A dimensão do mesmo é relativa, mas um aquário em torno de 25 litros é um bom tamanho para abrigar um indivíduo”, detalha Calil.

Os Bettas brigam entre si?

Verdade: os Bettas tem a fama de serem peixes de briga, e isso tem fundamento. Eles possuem relação territorial intraespecífica e, por isso, não se deve ter dois animais da mesma espécie no mesmo aquário.

Porém, o que poucos sabem é que, em aquários adequados, é possível colocar outras espécies com o Betta, desde os peixes que compartilhem as mesmas necessidades de parâmetros de água. Tanictis, Corydora, Lampeye podem ser ótimos companheiros para o Betta.

Eles podem comer qualquer ração?

Verdade: Bettas são peixes carnívoros/insetívoros. Em ambiente natural, eles se alimentam de insetos, larvas e alevinos. Para aqueles que são criados em aquários, existem boas rações adequadas para a espécie, mas também é indicado complementar com blood worms ou tubifex, duas ou três vezes por semana.

“É recomendado cautela do aquarista com o excesso de alimento, pois sobras entraram rapidamente em decomposição gerando gases tóxicos”, diz o biólogo.



Fonte: O Imparcial



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Gatos: dicas de cientistas para cuidar bem do seu pet

Leia Mais