Notícias

Rede de supermercados do Reino Unido promete eliminar totalmente o plástico

Compartilhe:     |  5 de março de 2019

A cadeia varejista pretende eliminar completamente o plástico descartável de seus produtos de marca própria até 2023 e os testes serão lançados na loja-conceito Food Warehouse, uma das maiores lojas abertas pela empresa, em North Liverpool.

Os produtos de marca própria da “Islândia”, sem embalagem, terão um preço mais baixo do que os correspondentes em plástico, informou a Green Business . A equipe será treinada para auxiliar os clientes nas novas estações de pesagem de produtos.

Opções sustentáveis serão oferecidas no lugar do plástico para frutas e vegetais, como sacolas de papel, redes de algodão e celulose e faixas elásticas reutilizáveis à base de plantas para agrupar produtos como aipo e cebolinha.
Durante o período de testes, a “Islândia” reunirá os comentários dos clientes para compartilhar com o governo do Reino Unido.

Futuro livre do plástico

A iniciativa da rede é acompanhado pela nova campanha #TooCoolForPlastic . Em um pequeno vídeo, o supermercado explica que cerca de 12 milhões de toneladas de plástico acabam nos oceanos a cada ano.

De acordo com a pesquisa da “Islândia”, os consumidores britânicos acreditam que os supermercados precisam ser mais socialmente responsáveis, eliminando o plástico ou substituindo-o por alternativas sustentáveis. O varejista tem como objetivo atender a demanda do consumidor, tornando-se o primeiro grande supermercado do mundo a tornar suas marcas próprias livres de plástico.

“Todos nós temos um papel a desempenhar na solução deste problema e a “Islândia” está constantemente à procura de formas de reduzir a sua pegada de plástico, à medida que trabalhamos para o nosso compromisso”, afirmou Richard Walker, diretor da rede.

“Estamos ansiosos para ver como nossos clientes respondem ao teste e levam adiante os aprendizados para informar o restante de nossa jornada”.

A “Islândia” não é a única a trabalhar para eliminar o plástico. No mês passado, a varejista Marks & Spencer anunciou que testaria 90 linhas de produtos sem embalagem em sua loja em Londres. O varejista também trocou adesivos de código de barras por uma opção ecologicamente correta, eliminou 75 milhões de peças de talheres e substituiu os canudos de plástico por alternativas de papel. As informações são do LiveKindly.

Outras iniciativas

Um supermercado em Londres, na Inglaterra, estabeleceu zonas livres de plástico, em uma tentativa de reduzir os resíduos que vão para aterros sanitários.

O supermercado Thornton’s Budgens, em Belsize Park, planeja se tornar “virtualmente livre de plástico” até 2021.

Enquanto isso, ele converteu quase 2 mil linhas de produtos em embalagens sem plástico, incluindo vegetais e batatas fritas.

Os ativistas esperam que a loja, que descreve o movimento como uma “experiência pública”, inspire cadeias maiores a seguirem o exemplo.



Fonte: Anda - Mariana Duque



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Cadela cega explorada para reprodução é salva e se torna amiga de menino com deficiência

Leia Mais