Notícias

Saiba como se preparar para se manter saudável durante a Copa do Mundo

Compartilhe:     |  10 de junho de 2018

Daqui a uma semana o Brasil estreia na Copa do Mundo. O futebol é um dos esportes que mais gera ansiedade em seus espectadores. Um estudo publicado na revista científica The New England Jounal of Medicine mostra que na Copa de 2006, disputada na Alemanha, a incidência de emergências cardíacas foi 2,66 vezes maior nos dias de jogos da seleção da casa.

— Assistir a um jogo de futebol leva a respostas de ansiedade e estresse. Isso faz com que o nosso sistema nervoso libere uma série de substâncias na corrente circulatória, principalmente a adrenalina. Ela faz com que o nosso coração acelere e a pressão arterial suba. Há uma mudança de todo o organismo. Principalmente o sistema cardiovascular sofre um grande impacto — explica Claudio Tinoco, diretor científico da Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio de Janeiro (Socerj).

Para que a alegria da Copa não traga prejuízos à saúde, é preciso tomar medidas para diminuir a ansiedade, como praticar exercícios, por exemplo. Os homens correm mais risco que as mulheres de sofrer enfarte, e pessoas que já têm doenças coronarianas devem consultar seu cardiologista para investigar se a doença está sob controle.

— Se você tem sentido dor no peito, cansaço, as pernas estão inchando e a pressão está subindo, vá ao médico. Muitos não valorizam os sintomas de alerta. Essa é uma hora boa para avaliar se você está colocando sua vida em risco — orienta Tinoco.

Em dias de jogos da seleção brasileira, também será difícil ficar em ambiente silencioso por muito tempo. Mas a otorrinolaringologista Camila Conde, do Hospital Norte D’Or, recomenda cuidado com as buzinas à base de gás:

— Elas emitem um som agudo em volume muito alto. O trauma acústico acontece não só pelo tempo de exposição, mas principalmente pela frequência aguda em ruídos altos.

Cuidados com os ouvidos e as cordas vocais

Ouvir zumbidos ou ficar com a sensação de “ouvido tapado” podem ser reações normais após exposição a muito barulho. Mas, se o quadro não melhorar em 24 horas, é recomendável procurar um especialista e investigar se houve lesão grave. A voz também precisa de cuidados: na hora de comemorar, evite gritos agudos, intensos e por períodos prolongados.

— Caso contrário, pode prejudicar a voz, causando hematomas nas pregas vocais ou problemas piores, como nódulos — alerta Camila.

Bebida alcoólica e cigarro também prejudicam a voz. Portanto, tente suspender o tabagismo e maneirar nas bebidas.

— Durante o jogo, as pessoas ficam distraídas e não percebem o quanto estão bebendo. O ideal é o torcedor intercalar a bebida alcoólica e água. É sempre bom beber bebidas frescas como sucos, para acompanhar o que a pessoa estiver comendo — sugere Matheus Motta, coordenador de nutrição do Vigilantes do Peso.

Os quitutes devem ser leves e em porções que possam ser comidas sem talheres.

— Espetinhos de frutas e legumes são ótimas opções. Em vez de servir amendoim, ofereça grão de bico assado, fica bem crocante. Para as crianças, é legal fazer chips de batata, inhame e beterraba, que ficam bem coloridos — aconselha Matheus.

Campeão na saúde

Caminhe

A prática de exercícios físicos diários ajudam a controlar a ansiedade e o estresse. Caminhar meia hora por dia vai te deixar menos ansioso para o jogo da Seleção

Evite cafeína

Nos jogos, o coração bate de forma mais acelerada. Evite tomar energético ou muitas xícaras de café antes, durante e após a partida para não sobrecarregar seu organismo

Atenção aos gritos

Na hora de comemorar o gol, evite dar gritos agudos. Para não ficar rouco, tome bastante água na temperatura ambiente e coma maça: ela é uma ótima aliada, pois limpa as cordas vocais

Cuidado com o volume

A casa vai estar cheia, mas a televisão não precisa estar no volume máximo, certo? Como o som na altura que todos estejam escutando. Tome cuidado com as buzinas: a exposição ao barulho delas por um longo período pode causar prejuízos a sua audição

Prefira comidas leves

Dê preferência a frutas e legumes, lanches como pipoca e comidas assadas. Pratos gordurosos e muito pesados podem te fazer passar mal, pois a ansiedade, às vezes, interfere na digestão

Consuma bebidas com moderação

Se você optar por bebidas alcoólicas sempre intercale com um copo de água: isso vai garantir sua hidratação. Evite tomar muito refrigerante e dê preferência a sucos naturais feitos com frutas bem maduras para dispensar a necessidade de adoçar

Mantenha-se seguro

Se você beber durante os jogos, não dirija. Caso queira aproveitar o clima da Copa para paquerar, não esqueça de usar camisinha



Fonte: Extra



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Lei que proíbe piercings e tatuagens em animais é sancionada no Distrito Federal

Leia Mais