Notícias

Semana Mundial do Brincar 2021: o que as brincadeiras ensinam para o seu filho

Compartilhe:     |  25 de maio de 2021

Quem nunca se divertiu brincando de cabana ou de casinha? O tema da Semana Mundial do Brincar deste ano é “casinhas das infâncias”

De 22 a 30 de maio, acontece a Semana Mundial do Brincar 2021. O tema deste ano é “casinhas das infâncias”. Quem nunca se divertiu montando uma casa com lençóis, cadeiras e vassouras? Ou até imitando os pais, naqueles afazeres cotidianos, como tomar um chá, cuidar das “filhas” bonecas e até varrer o piso? Impressionante como as tarefas que, hoje, para nós, como adultos, são simples e até chatas, às vezes, se transformam em alegria pelo olhar dos pequenos, não é?

Brincar de casinha ajuda a criança a desenvolver habilidades (Foto: Foto de Tatiana Syrikova no Pexels)

Brincar de casinha ajuda a criança a desenvolver habilidades (Foto: Foto de Tatiana Syrikova no Pexels)

Brincar sempre foi importante. No meio de uma pandemia, em que as crianças estão em casa há mais de 1 ano, muitas vezes, sem poder ir à escola, vendo e interagindo com os amigos apenas por meio de telas, tornou-se uma questão de sobrevivência. Se não pela brincadeira, como as crianças poderiam se divertir e se desenvolver, em tempos tão difíceis?

Para celebrar essa ferramenta que existe desde sempre, que é a brincadeira, selecionamos aqui algumas delas e contamos o que seu filho aprende com cada uma delas. Inspire-se e caia na diversão junto dele. Afinal, são esses momentos que ele (e você também!) vai levar para sempre na memória e no coração.

BRINCADEIRA SOCIODRAMÁTICA

Ao brincar de casinha, médico, escola, costuma-se seguir as regras sociais que regem o personagem. Isso tem clara ligação com a responsabilidade social.

BRINCADEIRA COM OBJETOS

Inicia assim que a criança pode morder, agarrar e segurar. Dessa forma, ela vence desafios, desenvolve habilidades e estratégias cognitivas e físicas. Valem chocalho, pelúcias, carrinho ou blocos.

BRINCADEIRA FÍSICA

Esse tipo começa por volta do segundo ano de vida e, normalmente, ocupa cerca de 20% do comportamento das crianças até 4 ou 5 anos. Correr, pular, dançar e jogar bola são bons exemplos.

BRINCADEIRA SIMBÓLICA

Fazer um desenho, pintar, brincar de massinha ou inventar uma música. Todos desenvolvem habilidades técnicas para expressar e refletir sobre experiências, ideias e emoções.

BRINCADEIRAS COM REGRAS

Nos jogos, aprende-se habilidades sociais relacionadas à partilha e à compreensão das perspectivas dos outros. Valem dominó, mímica, cartas.

Fonte: The Importance of Play: A Report on the Value of Children’s Play with a Series of Policy Recommendations (A importância do brincar: um relatório sobre o valor da brincadeira das crianças, com uma série de recomendações políticas, em tradução livre), do psicólogo e professor da Faculdade de Educação da Universidade de Cambridge, na Inglaterra, David Whitebread.



Fonte: Revista Crescer



Leia também:

Projetos ambientais
Aqui você é o Reporter

Espaço Animal

Como não repreender seu cachorro – Dicas de cuidados e educação

Leia Mais